Mercado abrirá em 4 h 33 min
  • BOVESPA

    108.402,27
    +1.930,27 (+1,81%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.354,86
    +631,46 (+1,35%)
     
  • PETROLEO CRU

    89,45
    -1,31 (-1,44%)
     
  • OURO

    1.807,40
    +2,20 (+0,12%)
     
  • BTC-USD

    23.829,75
    -2,49 (-0,01%)
     
  • CMC Crypto 200

    556,21
    +13,33 (+2,46%)
     
  • S&P500

    4.140,06
    -5,13 (-0,12%)
     
  • DOW JONES

    32.832,54
    +29,04 (+0,09%)
     
  • FTSE

    7.479,12
    -3,25 (-0,04%)
     
  • HANG SENG

    20.003,44
    -42,33 (-0,21%)
     
  • NIKKEI

    27.999,96
    -249,28 (-0,88%)
     
  • NASDAQ

    13.178,75
    -4,50 (-0,03%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2164
    +0,0070 (+0,13%)
     

Hyundai construirá fábrica de veículos elétricos na Coreia do Sul

Por Byungwook Kim e Heekyong Yang

SEUL (Reuters) - A Hyundai disse nesta terça-feira que construirá uma fábrica dedicada a veículos elétricos na Coreia do Sul, na primeira inauguração de unidade produtiva da empresa no país em quase três décadas.

A fabricação deve começar em 2025, disse o sindicato da empresa em comunicado, retransmitindo uma promessa que a companhia fez nas negociações salariais.

A Hyundai não deu mais detalhes em seu comunicado.

Em maio, o Hyundai Motor Group, que é dono da Hyundai e da Kia, disse que investirá 63 trilhões de wons (48,1 bilhões de dólares) na Coreia do Sul até 2025.

Os trabalhadores sindicalizados da Hyundai na Coreia do Sul votaram neste mês por uma possível greve pela primeira vez em quatro anos devido a demandas por salários mais altos. Os funcionários também estavam preocupados com o fato de a administração priorizar investimentos fora do país.

A Hyundai Motor, a maior montadora da Coreia do Sul, abriu pela última vez uma fábrica de automóveis no país em 1996.

A companhia disse em maio que investirá 5,5 bilhões de dólares para construir instalações completas para fabricação de veículos elétricos e baterias no estado norte-americano da Geórgia.

"As vendas de veículos com motor de combustão interna estão programadas para serem proibidas em certos mercados, então a nova fábrica de veículos elétricos é vital para a sobrevivência da Hyundai Motor”, disse Chang Moon-su, analista da Hyundai Motor Securities, subsidiária da montadora.

(Por Heekyong Yang e Byungwook Kim)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos