Mercado abrirá em 5 h 48 min
  • BOVESPA

    119.646,40
    -989,99 (-0,82%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.125,71
    -369,70 (-0,81%)
     
  • PETROLEO CRU

    53,28
    +0,04 (+0,08%)
     
  • OURO

    1.873,50
    +7,00 (+0,38%)
     
  • BTC-USD

    34.627,44
    -35,18 (-0,10%)
     
  • CMC Crypto 200

    685,61
    +5,71 (+0,84%)
     
  • S&P500

    3.851,85
    +52,94 (+1,39%)
     
  • DOW JONES

    31.188,38
    +257,86 (+0,83%)
     
  • FTSE

    6.740,39
    +27,44 (+0,41%)
     
  • HANG SENG

    29.981,06
    +18,59 (+0,06%)
     
  • NIKKEI

    28.719,96
    +196,70 (+0,69%)
     
  • NASDAQ

    13.380,00
    +85,75 (+0,65%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4177
    +0,0097 (+0,15%)
     

Huawei registra celular com câmera frontal sob a tela e bordas quase nulas

Diego Sousa
·2 minuto de leitura

A CNIPA, órgão chinês de registro de patentes, publicou nesta terça-feira (12) uma documento da Huawei que descreve um celular de ponta com câmera sob a tela e pouquíssimas bordas, características que vimos em poucos modelos em 2020 e devem se tornar tendência neste ano.

De acordo com as imagens renderizadas abaixo, criadas pelo pessoal do site LetsGoDigital com base na patente, o smartphone tem uma tela sem qualquer entalhe ou furo para a câmera frontal. Como não há informações sobre mecanismos pop-up, provavelmente o sensor se encontra sob o display. Infelizmente, a documentação não detalha como a Huawei pretende aplicar a tecnologia no aparelho.

(Imagem: Reprodução/LetsGoDigital)
(Imagem: Reprodução/LetsGoDigital)

A ZTE foi a primeira a lançar um aparelho com essa solução em 2020 e diversas fabricantes já demonstraram interesse na novidade para este ano, como a chinesa Xiaomi.

Aparentemente, o smartphone da Huawei tem, ainda, uma espécie de display secundário em cima da tela principal que seria responsável por exibir informações do sistema, como hora, indicador de bateria e ícone de rede. Aliado às bordas curvas da tela, o celular passa uma impressão de ter bordas bem mais finas do que realmente tem.

Câmera quádrupla

Na parte traseira, revela-se um módulo de câmera aparentemente saltado do corpo do aparelho, assim como o Galaxy S20 Ultra. Há quatro câmeras disponíveis, sem resoluções reveladas, mas todas usando um sistema da Leica, parceira de longa data da marca chinesa. Além disso, a protuberância do conjunto pode significar que o smartphone esteja usando uma lente telefoto.

(Imagem: Reprodução/LetsGoDigital)
(Imagem: Reprodução/LetsGoDigital)

Como se trata de uma patente, não há qualquer garantia de que a Huawei lançará um aparelho com esse visual e características. No entanto, como esse conceito de câmera sob a tela já pode ser encontrado no mercado, não será uma surpresa a chinesa decidir apresentá-lo. Nos resta aguardar, apenas.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: