Mercado abrirá em 4 h 28 min
  • BOVESPA

    122.038,11
    +2.117,11 (+1,77%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.249,02
    +314,12 (+0,64%)
     
  • PETROLEO CRU

    65,35
    +0,45 (+0,69%)
     
  • OURO

    1.836,40
    +5,10 (+0,28%)
     
  • BTC-USD

    58.326,05
    +153,85 (+0,26%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.557,06
    +121,28 (+8,45%)
     
  • S&P500

    4.232,60
    +30,98 (+0,74%)
     
  • DOW JONES

    34.777,76
    +229,26 (+0,66%)
     
  • FTSE

    7.143,18
    +13,47 (+0,19%)
     
  • HANG SENG

    28.595,66
    -14,99 (-0,05%)
     
  • NIKKEI

    29.518,34
    +160,52 (+0,55%)
     
  • NASDAQ

    13.686,25
    -23,50 (-0,17%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3645
    -0,0006 (-0,01%)
     

Huawei Mate X2 passa por severo teste de durabilidade

Lucas Soares
·2 minuto de leitura
Huawei Mate X2 passa por severo teste de durabilidade
Huawei Mate X2 passa por severo teste de durabilidade

A dobradiça no meio de um smartphone é uma fragilidade estrutural em relação aos modelos comuns. Quer dizer que, em geral, eles são menos resistentes. Mas fabricantes pensaram nisso: um teste de resistência feito no Mate X2 mostra que o celular da Huawei pode ter uma durabilidade maior do que vários celulares convencionais e particularmente sua dobradiça é resistente.

O canal JerryRigEverything, conhecido por destruir smartphones (ou tentar), fez diversos testes com o aparelho, inclusive em sua dobradiça, e o resultado foi bastante satisfatório. O Lenovo Legion Phone Duel 2, por exemplo, passou por um experimento igual e teve um resultado catastrófico. No caso do Huawei Mate X2, a tela externa conseguiu demonstrar uma boa durabilidade. O vidro que cobre o display só começou a sofrer ranhuras apenas no nível 6 (de 10) da escala do YouTuber e, só no 7, o estrago realmente ficou mais profundo.

Já a tela de dentro não teve a mesma sorte. O display dobrável é de plástico e sofreu danos no nível 3, onde até uma unha pode deixar marcadas. No teste de fogo (literalmente, um isqueiro é usado para queimar o smartphone) a tela de fora aguentou esquentar por cerca de 25 segundos antes de ficar branca. Agora o painel interno escureceu com apenas 10 segundos.

Mas o teste mais esperado é o da dobradiça do Mate X2, que surpreendentemente teve uma durabilidade muito boa. O celular não cedeu ao ter a dobradiça forçada em uma tentativa de abertura ao contrário. O resultado é bem impressionante levando em conta que o recente Legion Phone Duel 2 (mesmo não sendo dobrável) se partiu completamente ao meio ao passar pelo teste.

O mecanismo de dobra, inclusive, foi um dos principais destaques do anúncio do Mate X2. o novo sistema permite que o celular seja fechado sem deixar um pequeno vácuo pelo qual poderia entrar poeira e outros elementos que poderiam emperrar o mecanismo. Assim, o modelo, fechado, é até mais fino que seus principais concorrentes, mas não é mais leve: apesar da sua construção com partes em fibra de carbono e um metal liquido à base de zircônio, ele ainda pesa 295 g. O Galaxy Z Fold 2, por exemplo, pesa 279 g.

Via GSM Arena