Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.036,79
    +2.372,79 (+2,20%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    44.626,80
    -475,80 (-1,05%)
     
  • PETROLEO CRU

    81,52
    +2,03 (+2,55%)
     
  • OURO

    1.670,40
    -1,60 (-0,10%)
     
  • BTC-USD

    19.172,33
    -120,03 (-0,62%)
     
  • CMC Crypto 200

    443,49
    +0,06 (+0,01%)
     
  • S&P500

    3.585,62
    -54,85 (-1,51%)
     
  • DOW JONES

    28.725,51
    -500,09 (-1,71%)
     
  • FTSE

    6.893,81
    +12,22 (+0,18%)
     
  • HANG SENG

    17.222,83
    +56,93 (+0,33%)
     
  • NIKKEI

    25.937,21
    -484,89 (-1,84%)
     
  • NASDAQ

    10.994,00
    -41,50 (-0,38%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,3040
    +0,0060 (+0,11%)
     

Huawei Mate 50 Pro pode ter display com notch enorme

A série Huawei Mate 50 está prevista para chegar ao mercado chinês no próximo dia 6 de setembro. Na contramão de vários novos modelos, recentes vazamentos mostram que o Huawei Mate 50 Pro pode estrear com entalhe consideravelmente mais largo.

Supostas imagens das películas protetoras do Huawei Mate 50 Pro indicam que o telefone pode trazer um entalhe mais largo para os sensores frontais. Surpreendentemente, o notch pode ser maior que o recorte do Mate 20 Pro lançado em 2018.

Conforme as informações do popular informante Digital Chat Station, o telefone pode trazer uma tela curva com resolução entre Quad HD e Full HD. Outros detalhes, como dimensões, tecnologia (OLED, IPS) e taxa de atualização, ainda não foram revelados.

O que esperar da série Huawei Mate 50?

A linha Huawei Mate 50 deve ser formada por quatro aparelhos: Mate 50, Mate 50 Pro, Mate 50X e Mate 50 RS. Semelhante aos lançamentos passados, o último dispositivo pode ser uma “variante de luxo” do modelo Pro parte da série Porsche Design.

Antigos vazamentos indicam que os celulares de entrada podem ter o chip Snapdragon 888 da Qualcomm, enquanto os premium devem adotar o Snapdragon 8 Gen 1. Contudo, os processadores premium podem ser versões modificadas com apenas acesso a redes 4G.

Os smartphones ainda devem adotar o sistema operacional HarmonyOS 3.0 que, embora seja baseado no Android, não traz os serviços do Google. Outra suposta novidade é o recurso que possibilita fazer ligações e enviar mensagens mesmo "sem bateria".

Ademais, poucos detalhes sobre a série Huawei Mate 50 foram revelados. Então, todas informações devem ser apresentadas ao público no evento especial de anúncio dos aparelhos no dia 6 de setembro.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: