Mercado fechado
  • BOVESPA

    117.380,49
    -948,50 (-0,80%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    44.683,55
    -126,66 (-0,28%)
     
  • PETROLEO CRU

    51,98
    -1,15 (-2,16%)
     
  • OURO

    1.855,50
    -10,40 (-0,56%)
     
  • BTC-USD

    32.067,64
    +32.067,64 (+0,00%)
     
  • CMC Crypto 200

    651,44
    +41,45 (+6,79%)
     
  • S&P500

    3.841,47
    -11,60 (-0,30%)
     
  • DOW JONES

    30.996,98
    -179,03 (-0,57%)
     
  • FTSE

    6.695,07
    -20,35 (-0,30%)
     
  • HANG SENG

    29.447,85
    -479,91 (-1,60%)
     
  • NIKKEI

    28.631,45
    -125,41 (-0,44%)
     
  • NASDAQ

    13.355,25
    -40,25 (-0,30%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6542
    +0,1458 (+2,24%)
     

Huawei lidera ranking de celulares Android mais potentes de dezembro; confira

Rubens Eishima
·2 minuto de leitura

Prestes a encarar uma avalanche de novos lançamentos, o Huawei Mate 40 Pro fechou 2020 como o celular Android mais rápido do mercado. O título foi dado pelo aplicativo AnTuTu, com base na média de testes de desempenho feitos no mês de dezembro com o app.

O ranking é consideravelmente diferente do publicado pelo mesmo AnTuTu para a China, já que considera modelos não disponíveis no ocidente. A lista chinesa inclui aparelhos como o Xiaomi Mi 10 Ultra e o recém-lançado Xiaomi Mi 11, este último equipado com o novo processador Snapdragon 888.

O Mate 40 Pro é o único modelo da lista não equipado com o chip Snapdragon 865 ou sua versão turbinada, o 865+. No caso do smartphone chinês, a CPU é a HiSilicon Kirin 9000, projetada pela própria Huawei.

Janeiro tem tudo para ser palco do lançamento de dezenas de rivais para o celular chinês, com o anúncio ou chegada às lojas de aparelhos equipados com o Snapdragon 888 e o novo Exynos 2100. Além disso, a MediaTek prepara seu novo processador topo de linha, ainda sem nome oficial, que deve trazer desempenho competitivo, mas não o suficiente para desbancar os rivais.

Ranking AnTuTu de dezembro de 2020

A lista foi feita com base nos testes realizados pelos usuários do app durante o mês de dezembro, o que explica variações em relação a outros meses. É possível comparar o desempenho do seu próprio celular, baixando o aplicativo no site oficial.

  1. Huawei Mate 40 Pro (Kirin 9000) — 657.784 pontos;

  2. Vivo iQOO Neo3 (Snapdragon 865) — 646.016;

  3. Asus ROG Phone 3 (Snapdragon 865 Plus) — 630.307;

  4. OPPO Find X2 Pro (Snapdragon 865) — 610.749;

  5. Samsung Galaxy Note 20 Ultra (Snapdragon 865 Plus) — 604.401;

  6. OnePlus 8 Pro (Snapdragon 865) — 548.057;

  7. Xiaomi Mi 10T Pro (Snapdragon 865) — 581.233;

  8. Xiaomi Black Shark 3 (Snapdragon 865) — 574.438;

  9. Samsung Galaxy S20 FE (Snapdragon 865) — 574.187;

  10. Xiaomi Poco F2 Pro (Snapdragon 865) — 572.474;

Intermediários em disputa acirrada

Diferentemente do que acontece entre os topos de linha, o ranking de smartphones intermediários mostra uma disputa acirrada entre três fornecedores de processador. HiSilicon, MediaTek e Qualcomm dividem a lista com modelos de diferentes fabricantes de celular, inclusive com aparelhos sem modem 5G.

  1. Huawei Honor 30 (Kirin 985) — 404.970 pontos;

  2. Huawei Nova 7 (Kirin 985) — 402.080;

  3. Xiaomi Redmi 10X 5G (Dimensity 820) — 394.545;

  4. Xiaomi Mi 10T Lite 5G (Snapdragon 750G) — 331.796;

  5. Xiaomi Redmi K30 5G (Snapdragon 765G) — 325.915;

  6. Xiaomi Mi 10 Lite 5G (Snapdragon 765G) — 323.260;

  7. Huawei nova 7i (Kirin 810) — 313.322;

  8. Realme 7 (Helio G95) — 297.910;

  9. Xiaomi Redmi Note 8 Pro — 292.901;

  10. Realme 6 (Helio G90T) — 291.109.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: