Mercado fechado
  • BOVESPA

    114.647,99
    +1.462,52 (+1,29%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.798,38
    +658,14 (+1,26%)
     
  • PETROLEO CRU

    82,66
    +1,35 (+1,66%)
     
  • OURO

    1.768,10
    -29,80 (-1,66%)
     
  • BTC-USD

    60.656,21
    -877,84 (-1,43%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.464,06
    +57,32 (+4,07%)
     
  • S&P500

    4.471,37
    +33,11 (+0,75%)
     
  • DOW JONES

    35.294,76
    +382,20 (+1,09%)
     
  • FTSE

    7.234,03
    +26,32 (+0,37%)
     
  • HANG SENG

    25.330,96
    +368,37 (+1,48%)
     
  • NIKKEI

    29.068,63
    +517,70 (+1,81%)
     
  • NASDAQ

    15.144,25
    +107,00 (+0,71%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3297
    -0,0741 (-1,16%)
     

Huawei lança linha Nova 9, com dupla câmera frontal e carregamento de 100W

·4 minuto de leitura

A Huawei apresentou nesta quinta-feira (23) os aparelhos Nova 9 e Nova 9 Pro na China. Além do foco em fotografia e gravação de vídeos, os smartphones também trazem especificações típicas de dispositivos intermediários avançados, além de carregamento rápido de bateria.

Huawei Nova 9 e Nova 9 Pro trazer design semelhante na parte traseira (Imagem: Divulgação/Huawei)
Huawei Nova 9 e Nova 9 Pro trazer design semelhante na parte traseira (Imagem: Divulgação/Huawei)

Os dois modelos trazem design parecido, com um grande módulo em formato circular para as câmeras traseiras. Na parte inferior fica o nome da Huawei, junto com um símbolo estilizado da linha Nova. Na frente, a tela tem bordas curvadas que se estendem até a lateral do dispositivo, e o furo para câmera frontal é diferente nas duas variantes — enquanto o Nova 9 traz um círculo centralizado, o Nova 9 Pro tem um furo em formato de pílula no canto esquerdo, já que são duas lentes para selfies.

Ambos possuem display com tecnologia OLED, taxa de atualização de 120 Hz, taxa de amostragem de 300 Hz e suporte para 1,07 bilhão de cores. Porém, eles se diferenciam no tamanho de tela e na resolução — o Nova 9 tem 6,57 polegadas e 2340 x 1080 pixels, enquanto o Nova 9 Pro traz 6,72 polegadas e 2676 x 1236 pixels.

Aparelhos são disponibilizados nas cores azul, violeta, verde e preto (Imagem: Divulgação/Huawei)
Aparelhos são disponibilizados nas cores azul, violeta, verde e preto (Imagem: Divulgação/Huawei)

O processamento dos aparelhos é tarefa para um Qualcomm Snapdragon 778G octa-core de 6 nanômetros — mas há um detalhe importante: mesmo que este processador tenha um modem 5G de forma nativa, os novos aparelhos da linha Nova somente terão suporte para 4G. A GPU é a Adreno 642L, e eles ainda trazem 8 GB de memória RAM e versões com 128 ou 256 GB de armazenamento interno.

A Huawei destacou que os aparelhos trazem um sistema de resfriamento com grafeno para auxiliar em tarefas mais pesadas, como jogos ou aplicativos de edição de vídeos que normalmente esquentariam mais o dispositivo.

Um dos maiores destaques da linha Nova 9 está no conjunto de câmeras. Os dois modelos trazem os mesmos componentes na parte traseira, com uma câmera principal de 50 MP que traz um sensor RYYB e abertura f/1.9, câmera ultrawide de 8 MP e abertura f/2.4, macro de 2 MP e f/2.4, e ainda um sensor de profundidade de 2 MP.

Porém, é na parte frontal que os dois aparelhos tomam caminhos bastante diferentes. Apesar de ambos trazerem uma câmera de selfies de 32 MP e abertura f/2.0, somente o Nova 9 Pro tem uma lente ultrawide, com abertura f/2.4 e aliada a um sensor de 32 MP. De acordo com a Huawei, é possível gravar vídeos em 4K, câmera lenta, time-lapse, e modo noturno.

Somente o modelo Pro traz duas câmeras frontais (Imagem: Divulgação/Huawei)
Somente o modelo Pro traz duas câmeras frontais (Imagem: Divulgação/Huawei)

Além disso, vários recursos de software são voltados para criadores de conteúdo, como o modo multicâmera, que permite a sincronização de aparelhos próximos para gravação de uma mesma cena em múltiplos ângulos de forma fácil e rápida. Os dois dispositivos vêm com um aplicativo para edição de vídeos rápidos, chamado Petal Clip.

Os celulares também possuem baterias diferentes entre si, mas ao contrário do que pode parecer intuitivo, é o modelo Pro que traz a menor capacidade. São 4.000 mAh com suporte para carregamento de 100 W, enquanto o modelo padrão tem 4.300 mAh e até 66 W. De acordo com a Huawei, o modelo mais caro é capaz de ser carregado completamente em apenas 20 minutos.

Outras opções de conectividade incluem Bluetooth 5.2 com suporte para LDAC (que permite a transmissão de áudio em alta qualidade), Wi-Fi dual band (2,4 GHz e 5 GHz), GPS e entrada USB-C para cabo de transferência de arquivos ou carregamento. Ele roda o HarmonyOS, sistema operacional próprio da Huawei.

Preços e disponibilidade

Aparelhos estão em fase de pré-venda (Imagem: Divulgação/Huawei)
Aparelhos estão em fase de pré-venda (Imagem: Divulgação/Huawei)

Os dois aparelhos serão vendidos no mercado chinês, nas cores azul-claro, violeta, verde e preto. Eles já estão disponíveis em fase de pré-venda, com entregas previstas para começarem no dia 29 de setembro. Todas as versões e preços podem ser conferidos abaixo:

  • Huawei Nova 9 (8+128 GB): 2.699 yuan (cerca de R$ 2.213 em conversão direta)

  • Huawei Nova 9 (8+256 GB): 2.999 yuan (R$ 2.459)

  • Huawei Nova 9 Pro (8+128 GB): 3499 yuan (R$ 2.870)

  • Huawei Nova 9 Pro (8+256 GB): 3.999 yuan (R$ 3.280)

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos