Mercado abrirá em 6 h 57 min

Huawei foi novamente a fabricante que mais vendeu celulares no mundo em maio

Rubens Eishima

Após tomar o primeiro lugar da Samsung em volume de remessas de celulares no mês de abril, a Huawei manteve a liderança global no mês de maio, segundo a consultoria CounterPoint.

De um total de 81,97 milhões de celulares vendidos no quinto mês de 2020, a marca chinesa deteve 19,7% do mercado, contra 19,6% da Samsung. A diferença apertada indica uma recuperação dos sul-coreanos, que foram responsáveis por 19,1% das remessas globais de celulares no mês anterior frente a 21,4% da Huawei.

De acordo com a consultoria, a leve recuperação da Samsung aconteceu devido à retomada do consumo nos Estados Unidos, que apresentou um aumento de 56% na venda de smartphones em maio.

Diferença de participação entre Huawei e Samsung caiu em maio (imagem: Counterpoint Research)

O ranking das fabricantes de celulares é completado pela Apple, com 13%, seguida das chinesas Oppo, Xiaomi e Vivo, todas com 8%.

Liderança ameaçada

Além da reabertura dos países do hemisfério Norte, onde a Samsung geralmente é mais forte, outro desafio para a Huawei nos próximos meses é o endurecimento das sanções comerciais dos Estados Unidos.

O fornecimento de processadores da fabricante chinesa produzidos pela taiwanesa TSMC deve continuar até setembro, para atender encomendas feitas antes da assinatura da nova medida do governo de Donald Trump.

As incertezas sobre o estoque de componentes para seus modelos a partir do segundo semestre já teria inclusive afetado o cronograma de fabricação do sucessor do Mate 30.

Fonte: Canaltech