Mercado fechará em 6 h 19 min
  • BOVESPA

    123.213,22
    -363,34 (-0,29%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.633,91
    +764,43 (+1,50%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,44
    -2,12 (-3,00%)
     
  • OURO

    1.835,80
    +21,70 (+1,20%)
     
  • BTC-USD

    39.090,52
    +616,28 (+1,60%)
     
  • CMC Crypto 200

    957,35
    +30,58 (+3,30%)
     
  • S&P500

    4.408,82
    -14,33 (-0,32%)
     
  • DOW JONES

    34.904,74
    -211,66 (-0,60%)
     
  • FTSE

    7.116,76
    +11,04 (+0,16%)
     
  • HANG SENG

    26.426,55
    +231,73 (+0,88%)
     
  • NIKKEI

    27.584,08
    -57,75 (-0,21%)
     
  • NASDAQ

    15.040,75
    -5,50 (-0,04%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1530
    -0,0125 (-0,20%)
     

Huawei abre processo contra Verizon por quebra de patentes

·2 minuto de leitura
Huawei abre processo contra Verizon por quebra de patentes
Huawei abre processo contra Verizon por quebra de patentes

A Huawei resolveu contra-atacar depois de tantas sanções sofridas por parte do governo dos Estados Unidos e, nesta quarta-feira (07/07), começa o julgamento de um processo da empresa contra a Verizon. Considerada uma das principais operadoras de telefonia do país, a Verizon está sendo acusada de quebra de patentes pela fabricante de celulares chinesa.

A briga entre Huawei e Verizon que resultou em um processo alegando quebra de patentes vem de longe. Em fevereiro do ano passado, a empresa de origem asiática moveu processo contra a operadora de telefonia em dois tribunais distintos no Texas. A alegação foi de que a Verizon teria usado uma dúzia de patentes da Huawei sem autorização em áreas como rede de computadores, segurança de download e vídeo-comunicações.

“Estamos simplesmente pedindo que a Verizon respeite o investimento da Huawei em pesquisa e desenvolvimento, pagando pelo uso de nossas patentes ou abstendo-se de usá-las”, disse o representante da empresa, à Reuters. A reportagem apontou ainda que a Huawei estaria reclamando da quebra de patente por conta da Verizon antes mesmo de resolver entrar com processo. A conta pelo uso de cerca de 230 patentes, de forma indevida, desde 2019, estaria na casa de US$ 1 bilhão.

Verizon responde dizendo que processo é golpe de relações-públicas

A Verizon rebateu na mesma moeda, e se defendeu no processo acusando a Huawei de também ter cometido quebra de patente. Os representantes da operadora de telefonia dos Estados Unidos classificaram o processo de “um golpe de relações-públicas”, e de “ataque furtivo contra a Verizon e contra todo o ecossistema de tecnologia”.

Independentemente da briga e do processo movido contra a Verizon, a Huawei quer recuperar o espaço perdido no mercado desde que começou a sofrer com as sanções, ainda no governo do presidente Donald Trump. A empresa anunciou recentemente a nova versão do seu sistema operacional HarmonyOS, além de novidades no segmento dos smartphones e, também, novos tablets.

Via GizmoChina

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos