Mercado fechado
  • BOVESPA

    113.794,28
    -1.268,26 (-1,10%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.192,33
    +377,16 (+0,73%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,66
    +0,05 (+0,07%)
     
  • OURO

    1.752,80
    -3,90 (-0,22%)
     
  • BTC-USD

    47.639,01
    -438,55 (-0,91%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.209,85
    -23,43 (-1,90%)
     
  • S&P500

    4.473,75
    -6,95 (-0,16%)
     
  • DOW JONES

    34.751,32
    -63,07 (-0,18%)
     
  • FTSE

    7.027,48
    +10,99 (+0,16%)
     
  • HANG SENG

    24.667,85
    -365,36 (-1,46%)
     
  • NIKKEI

    30.323,34
    -188,37 (-0,62%)
     
  • NASDAQ

    15.504,00
    -13,75 (-0,09%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2016
    +0,0056 (+0,09%)
     

HQ finalmente confirma o que o filme Prometheus indicava sobre os Aliens

·2 minuto de leitura

Essa é para quem queria saber mais sobre uma certa ficção científica dirigida por Ridley Scott. Uma nova revista em quadrinhos da Marvel sobre Alien, a série de filmes com os assustadores xenomorfos, deu um significado "mortal" ao título do filme Prometheus, de 2012. A nova HQ é uma prequel, ou seja, seus eventos se passam antes dos clássicos filmes estrelados por Ellen Ripley (Sigourney Weaver).

Cuidado com os spoilers a seguir. Na edição nº 6 de Alien, lançada recentemente nos EUA, o protagonista humano da história, Gabriel Cruz, enfrenta o Xenomorfo Alfa na estação espacial Epsilon. Ele também tenta salvar seu filho Danny de ser consumido pelos alienígenas. Mas a história mostra que Iris, namorada de Danny, é na verdade um ser sintético que explica a Gabriel e um Bishop (sim, o clássico personagem-robô da franquia) que os xenomorfos são o "fogo purificador de Prometeu".

Imagem: Reprodução/Marvel Comics
Imagem: Reprodução/Marvel Comics

Portanto, o que ela quer dizer é que a função dos Aliens do cinema é manter o universo em equilíbrio, exterminando raças que crescem ou se expandem para além dos limites de seu próprio mundo. É o caso dos humanos da Terra, que passaram a desbravar mais e mais o espaço. Ou seja, isso confirma a teoria que muitos fãs já cogitavam, de que os xenomorfos foram criados pelos "deuses espaciais" como armas biológicas para exterminar os "experimentos" que "não deram certo" — é a primeira vez que isso é confirmando abertamente, algo que nem mesmo o diretor Riddley Scott havia admitido.

Cena de Alien: Covenant, sequência de Prometheus (Imagem: Divulgação/Fox)
Cena de Alien: Covenant, sequência de Prometheus (Imagem: Divulgação/Fox)

Quem conhece o mito grego de Prometeu deve ter entendido a referência. O herói foi responsável por roubar o fogo de Héstia e dá-lo aos mortais. Isso desagradou Zeus, que temia que a humanidade ficasse poderosa demais ao tomar posse do fogo. Como castigo pela petulância, a divindade deixou Prometeu acorrentado a uma rocha pela eternidade enquanto animais comiam suas vísceras.

Iris também confirma que os sonhos que Gabriel tem tido da "mulher xenomorfo" tem tudo a ver com o futuro da humanidade, que se deteriora graças às tentativas contínuas de perseguir o "fogo de Prometeu". A história termina seu arco nesta sexta edição, então espera-se que um novo comece em Alien nº 7 com novas tentativas de a humanidade "perseguir sua própria morte" ao ousar ir longe demais e ser punida por mais xenomorfos.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos