Mercado abrirá em 9 h 13 min
  • BOVESPA

    113.282,67
    -781,33 (-0,68%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.105,71
    -358,59 (-0,70%)
     
  • PETROLEO CRU

    74,92
    +0,94 (+1,27%)
     
  • OURO

    1.759,50
    +7,80 (+0,45%)
     
  • BTC-USD

    44.031,35
    +1.730,47 (+4,09%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.098,21
    -4,85 (-0,44%)
     
  • S&P500

    4.455,48
    +6,50 (+0,15%)
     
  • DOW JONES

    34.798,00
    +33,20 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.051,48
    -26,87 (-0,38%)
     
  • HANG SENG

    24.359,31
    +167,15 (+0,69%)
     
  • NIKKEI

    30.358,62
    +109,81 (+0,36%)
     
  • NASDAQ

    15.375,50
    +56,75 (+0,37%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2577
    +0,0021 (+0,03%)
     

Homens mais jovens são mais propensos a desenvolver COVID grave, diz estudo

·1 minuto de leitura

Pessoas infectadas pela COVID-19 e que desenvolvem uma forma grave da doença geralmente são diagnosticadas com síndrome respiratória aguda grave, que coloca a vida do paciente em risco. E de acordo com um novo estudo, pessoas mais jovens, principalmente homens, são mais prováveis a sofrerem da condição em comparação com o restante da população.

O estudo, liderado por David N. Fisman, na Universidade de Toronto, foi feito para avaliar as variações das infecções pelo coronavírus com base nas faixas etárias. Então, os cientistas descobriram que, em comparação com a população geral, as taxas de infecção foram mais baixas em crianças e adultos com 70 anos ou mais, e maiores em adolescentes e homens com idades entre 20 a 49 anos.

<em>Imagem: Reprodução/Chalabala/Envato Elements</em>
Imagem: Reprodução/Chalabala/Envato Elements

Os pesquisadores usaram dados do sistema laboratorial da cidade de Ontario, no Canadá, de pessoas que foram testadas para COVID-19 e tiveram resultado positivo. A metodologia usada pela equipe ainda precisa ser validada, como diz o artigo, mas as respostas já sugerem que homens mais jovens estão em um grupo de risco ainda desconhecido. "Nossa abordagem destaca a importância das pessoas mais jovens, principalmente homens mais jovens, como condutores silenciosos de uma infecção virulenta em adultos mais velhos", dizem os autores da pesquisa.

O estudo foi publicado na revista científica Annals of Internal Medicine.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos