Mercado fechará em 4 h 58 min
  • BOVESPA

    118.354,90
    +974,41 (+0,83%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.126,51
    +442,96 (+0,99%)
     
  • PETROLEO CRU

    53,07
    +0,30 (+0,57%)
     
  • OURO

    1.857,10
    +1,90 (+0,10%)
     
  • BTC-USD

    31.784,58
    -583,71 (-1,80%)
     
  • CMC Crypto 200

    638,76
    -8,56 (-1,32%)
     
  • S&P500

    3.855,36
    +13,89 (+0,36%)
     
  • DOW JONES

    30.960,00
    -36,98 (-0,12%)
     
  • FTSE

    6.689,58
    +50,73 (+0,76%)
     
  • HANG SENG

    29.391,26
    -767,75 (-2,55%)
     
  • NIKKEI

    28.546,18
    -276,11 (-0,96%)
     
  • NASDAQ

    13.475,75
    +0,25 (+0,00%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5841
    -0,0521 (-0,79%)
     

Homem com suspeita de Covid morre durante voo, e passageiros se desesperam

Colaboradores Yahoo Notícias
·1 minuto de leitura

Um homem passou mal e morreu durante um voo da United Airlines, gerando desespero em dezenas de passageiros. A mulher da vítima disse aos socorristas que ele estava com sintomas de Covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus.

O voo saiu de Orlando com destino a Los Angeles, nos Estados Unidos, porém o avião realizou um pouso de emergência em Nova Orleans após a tripulação tomar conhecimento do estado de saúde do passageiro.

Leia também

Após o pouso de emergência, médicos foram autorizados a entrar no avião, mas o passageiro foi declarado morto no hospital.

Segundo o portal norte-americano TMZ, a mulher da vítima comentou que ele tinha um exame marcado para saber se estava ou não com a Covid-19. Passageiros relataram que o homem estava tremendo, suando e com dificuldade para respirar antes da decolagem.

Segundo a companhia aérea, o homem e a família mentiram sobre o seu estado de saúde ao preencher o formulário para o voo. Vários passageiros questionaram os protocolos da companhia após o incidente.

A United Airlines está entrando em contato com todos os 179 passageiros do voo para alertá-los sobre possíveis sintomas. Em nota, a companhia lamentou o episódio.

“Nosso voo foi desviado para Nova Orleans devido a uma emergência médica e os paramédicos transportaram o passageiro para um hospital local onde ele foi declarado morto. Entramos em contato com sua família e expressamos nossas sinceras condolências por sua perda”, disse a empresa.