Mercado abrirá em 9 h 36 min

Homem mata padrasto e esfaqueia a mãe por terem lhe pedido para desligar o videogame

Redação Notícias
·1 minuto de leitura
Segundo a polícia, McKinney morava na casa com a mãe e o padrasto e ainda estava lá quando os serviços de emergência chegaram (Foto: Divulgação/Polícia de Madison Heights)
Segundo a polícia, McKinney morava na casa com a mãe e o padrasto e ainda estava lá quando os serviços de emergência chegaram (Foto: Divulgação/Polícia de Madison Heights)

Um homem de 29 anos matou o padrasto e esfaqueou a mãe por terem lhe pedido para desligar o videogame, segundo informou a polícia de Detroit, nos Estados Unidos. O caso foi divulgado pelo jornal inglês The Sun neste fim de semana.

Christopher McKinney jogava seu videogame na noite de 11 de dezembro quando sua mãe, de 66 anos, e seu padrasto, de 71, pediram que o aparelho fosse desligado, para que pudessem dormir.

Inesperadamente, McKinney respondeu o pedido com um soco no rosto de sua mãe e outras agressões ao padrasto, que tentou se defender com uma faca. O objeto, porém, foi dominado pelo enteado.

Leia também

McKinney, então, teria desferido diversos golpes nos parentes. O padrasto não resistiu aos ferimentos e morreu quatro dias mais tarde, no hospital. A mãe continua se recuperando.

A polícia foi chamada e encontrou o rapaz coberto de sangue no corredor de seu apartamento. Ele resistiu à prisão e chegou a agredir um oficial. McKinney está detido e responderá por diversos crimes, incluindo agressão com intenção de matar.