Mercado abrirá em 1 h 49 min

Homem mata namorada com 20 facadas em MS e diz à polícia que "estava com muita raiva"

·1 minuto de leitura
Homem que esfaqueou companheira no interior do MS é preso - Foto: Polícia Civil/Divulgação
Homem que esfaqueou companheira no interior do MS é preso - Foto: Polícia Civil/Divulgação

Um homem foi preso após matar sua companheira com ao menos 20 perfurações de faca nesta terça-feira (15) em Dourados, no Mato Grosso do Sul. A polícia diz que o detido confessou o crime e disse “estar com muita raiva". As informações são do G1.

O corpo de Larissa Silva Cruz, de 18 anos, foi deixado pelo homem de pijamas e sem documentos na MS-379, estrada entre Dourados e Laguna Carapã. Depois de ser identificada pela perícia, a mãe da jovem foi informada do crime.

Leia também

Depois de conversar com a mãe da vítima, a polícia identificou o companheiro de Larissa como o principal suspeito do crime. A mãe contou aos oficiais que o genro não apareceu mesmo depois da notícia de que o corpo da jovem havia sido encontrado.

Segundo o G1, a mãe de Larissa reconheceu a faca usada no crime e contou à Polícia que o casal costumava ir a um local próximo de onde o corpo foi encontrado. Segundo a mulher, a filha admitiu que gostaria de se separar porque o seu companheiro estava muito agressivo em razão do consumo de drogas.

Policiais iniciaram uma busca pelo rapaz e descobriram que ele havia embarcado em um ônibus que ia para a capital Campo Grande e, depois, para São Paulo.

Em um trabalho conjunto, conforme apurou o G1, a Polícia Civil de Bataguassu, na divisa de SP com o MS, foi avisada e interceptou o ônibus em que o criminoso se encontrava.

Ele admitiu o crime e disse que matou Larissa porque, supostamente, ela o estrava traindo. Segundo a polícia, a versão de traição dada pelo homem não condiz com o apurado sobre o caso.