Mercado fechará em 4 h 53 min

Holcim acerta venda de unidade brasileira para CSN por US$ 1 bi

·1 minuto de leitura

(Bloomberg) -- A Holcim fechou um acordo para vender a unidade brasileira para a Companhia Siderúrgica Nacional por cerca de US$ 1 bilhão, em meio ao objetivo da fabricante de cimento suíça de reduzir o endividamento.

O ativo tem cinco fábricas de cimento, quatro estações de moagem, seis unidades de agregados e 19 instalações de concreto pré-misturado, disse a empresa na sexta-feira. A Holcim usará os recursos para investir na divisão de soluções e produtos.

Sob o comando do diretor-presidente Jan Jenisch, a Holcim tem vendido ativos que não contribuem para as operações principais em um esforço para reduzir a alavancagem. Desde um plano de reestruturação anunciado em 2018, a empresa com sede em Zug, na Suíça, tem procurado reduzir as atividades fora da Europa em países como Indonésia e Malásia.

A venda dá à Holcim “flexibilidade para continuar investindo em oportunidades de crescimento atraentes”, disse Jenisch.

A América Latina continua sendo uma região estratégica para a Holcim, disse a empresa, acrescentando que recentemente investiu em uma linha de clínquer na Argentina e em uma nova estação de moagem no México.

Em abril, reportagem da Bloomberg revelou que a Holcim estudava a venda da unidade, que poderia ser avaliada em até US$ 1,5 bilhão, segundo pessoas a par do assunto.

More stories like this are available on bloomberg.com

Subscribe now to stay ahead with the most trusted business news source.

©2021 Bloomberg L.P.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos