Mercado fechará em 2 h 29 min
  • BOVESPA

    110.723,20
    +1.879,46 (+1,73%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.716,39
    +158,74 (+0,31%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,43
    +0,14 (+0,20%)
     
  • OURO

    1.777,30
    +13,50 (+0,77%)
     
  • BTC-USD

    42.090,26
    -1.877,97 (-4,27%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.049,94
    -13,90 (-1,31%)
     
  • S&P500

    4.361,11
    +3,38 (+0,08%)
     
  • DOW JONES

    34.006,09
    +35,62 (+0,10%)
     
  • FTSE

    6.980,98
    +77,07 (+1,12%)
     
  • HANG SENG

    24.221,54
    +122,40 (+0,51%)
     
  • NIKKEI

    29.839,71
    -660,34 (-2,17%)
     
  • NASDAQ

    15.045,75
    +36,25 (+0,24%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1958
    -0,0489 (-0,78%)
     

Helicóptero carregado de cocaína cai no Mato Grosso

·1 minuto de leitura

BELO HORIZONTE, MG (FOLHAPRESS) - Um helicóptero carregado com aproximadamente 300 quilos de cocaína caiu neste domingo (1º), em Poconé, município do Mato Grosso a 100 quilômetros de Cuiabá.

O aparelho sofreu uma pane, conforme informações do Grupo Especial de Fronteira (Gefron-MT). Houve denúncia sobre a queda do helicóptero e as autoridades foram acionadas.

Ninguém foi preso. Não há indícios de mortos ou feridos no acidente. No local da queda foram encontrados apenas o helicóptero parcialmente destruído e o carregamento de cocaína.

O Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer-MT), que participou das buscas pela aeronave, investiga o caso como tráfico internacional de drogas.

A Polícia Federal também participou das buscas. Em comunicado, as forças de segurança afirmam que a aeronave é um modelo Robinson R-44 matrícula PT-RMM. "Fora realizada busca nas proximidades da aeronave, num raio de 10km, sem êxito na possivel localização de suspeitos", diz o texto.

O helicóptero utilizado para o transporte da droga tem capacidade para até quatro pessoas (tripulação incluída). A capacidade de carga é de 340 quilos.

A apreensão da droga foi a segunda no fim de semana no Mato Grosso envolvendo aeronaves. No sábado (31), no município de Colniza, região Norte do estado, um avião vinha sendo monitorado. Ao sobrevoar a região, a Força Aérea Brasileira (FAB) foi acionada e interceptou o aparelho, obrigando-o a pousar.

O avião transportava mais de 300 quilos de cocaína, conforme informações do Gefron. O piloto e uma outra pessoa que estava no aparelho foram presos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos