Mercado fechado
  • BOVESPA

    113.282,67
    -781,69 (-0,69%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.105,71
    -358,56 (-0,70%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,95
    +0,65 (+0,89%)
     
  • OURO

    1.750,60
    +0,80 (+0,05%)
     
  • BTC-USD

    42.028,02
    -509,14 (-1,20%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.067,20
    -35,86 (-3,25%)
     
  • S&P500

    4.455,48
    +6,50 (+0,15%)
     
  • DOW JONES

    34.798,00
    +33,18 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.051,48
    -26,87 (-0,38%)
     
  • HANG SENG

    24.192,16
    -318,82 (-1,30%)
     
  • NIKKEI

    30.248,81
    +609,41 (+2,06%)
     
  • NASDAQ

    15.319,00
    +15,50 (+0,10%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2556
    +0,0306 (+0,49%)
     

Heineken usará navio elétrico inovador para entregar cervejas

·1 minuto de leitura

A Heineken é uma das maiores cervejarias do mundo e também está preocupada em seguir seu trabalho com metas audaciosas de redução de emissão de gases poluentes. Como uma forma de alcançar esse objetivo, a gigante holandesa comprou o Alphenear, um navio elétrico moderno e inovador que vai ajudar a empresa a realizar entregas pela Europa sem utilizar combustíveis fósseis.

O navio é fabricado pela Zero Emission Services, que fechou acordo com a Heineken para operações a partir do porto de Rotterdã, o maior da Europa. As empresas não revelaram o tamanho da embarcação, mas, segundo informações, ela é capaz reduzir cerca de 360 toneladas em emissões de CO2 por ano. Para isso, o navio é abastecido com energia elétrica gerada por baterias de 2 MWh, o equivalente a 36 carros elétricos.

Essas baterias são alocadas em contêineres padrão de seis metros quadrados, que podem ser substituídos com enorme facilidade, como se fossem a própria carga de cerveja, que será levada em outros depósitos ao lado das baterias. No momento, a Heineken está testando o navio com uma única rota, que vai justamente de Rotterdã para o interior da Holanda, com uma parada estratégica no porto de Alphen aan den Rijn, que serve de reabastecimento.

(Imagem: Divulgação/Zero Emisson Services)
(Imagem: Divulgação/Zero Emisson Services)

A ideia da Heineken é ser uma empresa neutra e emissão de carbono até 2040. Para isso, ela deve expandir o projeto de logística do navio elétrico para outras localidades. Segundo a própria Zero Emission Services, seus planos são de ter uma frota global de oito navios, 14 contêineres de bateria, oito estações de recarga e 30 rotas novas. Os navios são responsáveis por cerca de 3% dos poluentes nocivos à atmosfera, como os gases do efeito-estufa.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos