'Há gordura no câmbio', aponta diretor do Banco Central

Há gordura no câmbio, porque o dólar está cotado acima do modelo do Banco Central, de acordo com o diretor de Política Monetária do BC, Aldo Mendes. Embora tenha negado que o governo trabalhe com uma meta cambial, ele declarou que a autoridade monetária e o mercado como um todo trabalham com modelos de referência para a moeda. "Dólar sempre gera um debate muito grande. São muitas as variáveis para explicar o câmbio."

Para garantir liquidez, o BC estaria disposto a atuar por meio do mercado à vista e de derivativos, informou Mendes. "O BC está pronto para garantir a liquidez necessária. Iremos oferecer a moeda que a economia demandar."

Sobre o valor do real diante do dólar, Mendes refutou a ideia de que o BC trabalha para manter as cotações dentro de uma determinada faixa de flutuação, chamada pelo mercado de banda cambial. "A taxa flutua."

Segundo ele, a estratégia é oferecer liquidez para o fim do ano, época em que faltam dólares, por motivos "sazonais", nas palavras do diretor do BC. "Fim de ano é sempre período de baixa liquidez e o BC está preparado para oferecer liquidez. Não faltará dólar", completou.

Na avaliação dele, as reservas internacionais dão segurança para atuar no mercado à vista enquanto uma posição "leve" no mercado de derivativos facilita.

Metas de inflação

O regime de metas de inflação não mudou, "em absoluto". "O regime de metas continua. A ata (da reunião do Comitê de Política Monetária) continua válida. Todo o trabalho de perseguir o centro da meta continua como antes", afirmou Mendes nesta segunda-feira no seminário Reavaliação do Risco Brasil, promovido pelo Centro de Economia Mundial da Fundação Getulio Vargas (FGV), no Rio.

Segundo Mendes, o nível atual da taxa básica de juros, a Selic, é adequado para a convergência da inflação ao centro da meta. O diretor do BC voltou a repetir a ideia de que essa convergência, no entanto, pode se dar de forma "não linear".

Após participar do seminário, afirmou ainda a jornalistas que o governo atua para melhorar as condições de financiamento das empresas. Ele não quis, entretanto, antecipar qualquer nova medida nesse sentido.

cotações recentes

 
Cotações recentes
Símbolo Preço Variação % Var 
Seus tickers vistos mais recentemente aparecerão aqui automaticamente se você digitou um ticker no campo "Inserir símbolo/empresa" na parte inferior deste módulo.
É necessário permitir os cookies do seu navegador para ver as cotações mais recentes.
 
Entre para ver as cotações nos seus portfólios.

Resumo do Mercado

  • Moedas
    Moedas
    NomePreçoVariação% Variação
    3,06280,000,00%
    USDBRL=X
    3,2329+0,00010,00%
    EURBRL=X
    0,9478+0,0006+0,06%
    USDEUR=X
  • Commodities
    Commodities
    NomePreçoVariação% Variação

Destaques do Mercado

  • Líderes em Volume
    Líderes em Volume
    NomePreçoVariação% Variação
    15,70-0,39-2,42%
    PETR4.SA
    33,02-0,71-2,10%
    VALE5.SA
    5,89-0,21-3,44%
    GOAU4.SA
    10,35+0,05+0,49%
    ITSA4.SA
    11,00-0,25-2,22%
    CMIG4.SA
  • Altas %
    Altas %
    NomePreçoVariação% Variação
    8,15+3,30+68,04%
    CRPG5.SA
    8,04+2,45+43,83%
    CRPG6.SA
    9,00+2,01+28,76%
    SLED3.SA
    6,00+1,15+23,71%
    USIM6.SA
    8,96+1,59+21,57%
    HBTS5.SA
  • Baixas %
    Baixas %
    NomePreçoVariação% Variação
    23,04-8,46-26,86%
    BRSR5.SA
    27,10-8,60-24,09%
    BRSR3.SA
    8,10-1,15-12,43%
    CREM3.SA
    1,94-0,25-11,42%
    BBRK3.SA
    2,88-0,35-10,84%
    PDGR3.SA