Mercado abrirá em 2 h 4 min

Guide retira Suzano de sua carteira semanal recomendada

Rafael Lara
Guide retira Suzano de sua carteira semanal recomendada

A Guide Investimentos divulgou, nesta segunda-feira (13), sua carteira recomendada semanal. A empresa escolheu retirar a Suzano (SUZB3) para a entrada da brMalls (BRML3) no novo portfólio.

A equipe de análise da Guide esclareceu: “Optamos por realizar os lucros com os ativos da Suzano para dar entrada às ações da brMalls, com objetivo de capturar eventual valorização em meio à divulgação de dados positivos do varejo. Ainda assim, seguimos com uma visão positiva para a Suzano pela retomada dos preços da celulose e pela manutenção do dólar em patamares elevados”.

Além disso, a corretora ressaltou que os ativos da Suzano tiveram uma valorização de cerca de 11%. O Ibovespa avançou 6% no mesmo período.

“As bolsas globais apresentaram um desempenho negativo na semana, em meio à escalada de tensões entre Irã e EUA com a morte do general Soleimani. Por aqui, o índice local acompanhou o mau-humor das bolsas internacionais e operou em queda, com o dólar se valorizando no período”, concluíram os analistas da Guide.

Carteira da semana passada da Guide

A Guide Investimentos havia anunciado, na última segunda-feira (6), a atualização de sua carteira de ações para o período entre os dias 6 e 10 de janeiro. A corretora optou por realizar uma troca, com a saída das ações da Sabesp (SBSP3) e entrada da BR Distribuidora (BRDT3).

Saiba mais: BR Distribuidora entra no lugar da Sabesp em carteira semanal da Guide

A corretora de investimentos ressalta que, apesar da mudança para a BR Distribuidora, ainda tem uma visão positiva em relação à empresa de saneamento básico.

“A Sabesp deve destravar valor em meio ao andamento da votação do novo marco legal do saneamento no Congresso após o recesso parlamentar”, afirmou a Guide.

Já em relação à BR Distribuidora, é esperado que o ativo se desenvolva com a retomada do consumo e ganhos de produtividade após sua privatização.

Na semana passada, a carteira da Guide obteve um desempenho negativo de 1,74%, o Ibovespa desvalorizou 1,18%.