Mercado abrirá em 2 h 11 min
  • BOVESPA

    124.612,03
    -1.391,83 (-1,10%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.910,53
    +12,74 (+0,03%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,05
    +0,40 (+0,56%)
     
  • OURO

    1.799,00
    -0,80 (-0,04%)
     
  • BTC-USD

    40.116,73
    +2.590,79 (+6,90%)
     
  • CMC Crypto 200

    941,31
    +65,07 (+7,43%)
     
  • S&P500

    4.401,46
    -20,84 (-0,47%)
     
  • DOW JONES

    35.058,52
    -85,79 (-0,24%)
     
  • FTSE

    7.011,60
    +15,52 (+0,22%)
     
  • HANG SENG

    25.473,88
    +387,45 (+1,54%)
     
  • NIKKEI

    27.581,66
    -388,56 (-1,39%)
     
  • NASDAQ

    14.965,75
    +18,00 (+0,12%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1040
    -0,0044 (-0,07%)
     

Guggenheim prevê queda de 15% para bolsas dos EUA até outubro

·2 minuto de leitura

(Bloomberg) -- Os índices acionários dos Estados Unidos podem cair 15% ou mais até o fim de outubro, marcando um período desafiador para os mercados, disse Scott Minerd, presidente do conselho e diretor de investimentos da Guggenheim Investments.

“Setembro e outubro devem ser muito difíceis este ano” para as ações, disse Minerd em entrevista à Bloomberg Television na quarta-feira. “Talvez um recuo de 15% ou um pouco mais. Mas assim que os Dodgers estiverem no jogo de abertura da World Series, acho que será possível comprar, disse em referência ao time de beisebol de Los Angeles.

Uma redução mais rápida do que o esperado das compras de ativos do Federal Reserve e a propagação da variante delta são os principais fatores de risco para as bolsas, disse Minerd.

Minerd também espera que as criptomoedas continuem sendo desafiadas nos próximos meses. Ele vê o bitcoin caindo ainda mais, para “algo em torno de US$ 15.000”.

O bitcoin foi negociado em torno de US$ 31.700 na quarta-feira, perto do limite inferior da faixa nos últimos dois meses e cerca de 50% abaixo do pico de abril.

“O mercado baixista padrão para o bitcoin tem sido um recuo de 80% e, devido à incerteza e à competição de novas moedas, acho que há mais perdas por vir.”

“Quando comprar? Acho que não tão cedo”, acrescentou.

Minerd disse que o baixo desempenho do bitcoin ultimamente é um mau sinal para ativos de risco e pode ser o “canário na mina de carvão que está nos dizendo que teremos mais problemas pela frente com ativos de risco e, em particular, com as ações”.

A longo prazo, Minerd vê o ethereum como uma criptomoeda “mais viável” do que o bitcoin.

Melhores oportunidades

No crédito, Minerd disse que os títulos de alto rendimento com nota de crédito mais baixa estão extremamente caros em uma base histórica. Por enquanto, ele prefere títulos de nota mais alta de grau especulativo e espera melhores oportunidades para comprar a chamada dívida junk nos próximos meses.

“Estamos entrando em um momento sazonalmente difícil para ativos de risco e pode haver um ponto de entrada melhor se você quiser se envolver com crédito de alto rendimento do que onde estamos hoje”, disse Minerd.

Os rendimentos dos títulos do Tesouro dos EUA podem cair até 60 pontos-base daqui em diante se os mercados entrarem em um ciclo de aversão ao risco, acrescentou.

More stories like this are available on bloomberg.com

Subscribe now to stay ahead with the most trusted business news source.

©2021 Bloomberg L.P.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos