Mercado fechado
  • BOVESPA

    106.247,15
    -2.542,18 (-2,34%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.394,03
    -1.070,00 (-2,08%)
     
  • PETROLEO CRU

    109,28
    -0,31 (-0,28%)
     
  • OURO

    1.814,60
    -1,30 (-0,07%)
     
  • BTC-USD

    29.172,03
    -1.322,84 (-4,34%)
     
  • CMC Crypto 200

    650,57
    -20,11 (-3,00%)
     
  • S&P500

    3.923,68
    -165,17 (-4,04%)
     
  • DOW JONES

    31.490,07
    -1.164,52 (-3,57%)
     
  • FTSE

    7.438,09
    -80,26 (-1,07%)
     
  • HANG SENG

    20.644,28
    +41,76 (+0,20%)
     
  • NIKKEI

    26.911,20
    +251,45 (+0,94%)
     
  • NASDAQ

    11.896,75
    -38,75 (-0,32%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2198
    +0,0094 (+0,18%)
     

Guedes testa positivo para Covid-19 após viagem aos EUA e cancela compromissos

·1 min de leitura

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O ministro Paulo Guedes (Economia) testou positivo para Covid-19, após viagem feita aos Estados Unidos para participar de reuniões do FMI (Fundo Monetário Internacional) e do Banco Mundial.

De acordo com o Ministério da Economia, os compromissos presenciais desta semana foram cancelados para ele ficar em isolamento. Já agenda de reuniões virtuais foi mantida.

Guedes apresenta sintomas leves, informa a assessoria de imprensa do ministério. Ele já tomou três doses da vacina contra a Covid-19.

Nesta segunda-feira (25), Guedes tinha reuniões no Ministério da Economia apenas com sua própria equipe. Estavam programados encontros com os secretários especiais Daniella Marques (Competitividade), Esteves Colnago (Tesouro e Orçamento) e Caio Paes de Andrade (Desburocratização), além de uma audiência com o procurador-geral da Fazenda Nacional (Ricardo Soriano).

Este é o primeiro dia útil de trabalhos do ministro no Brasil após a viagem aos EUA de 17 a 23 de abril. Nos encontros do FMI e do Banco Mundial, esteve no centro das discussões o cenário de estresse da economia global devido aos efeitos da pandemia e da guerra na Ucrânia.

A situação financeira de muitos países que se endividaram de maneira intensiva em meio à crise da Covid-19 tem levantado preocupações e o FMI discute a criação de um novo fundo com o objetivo de fornecer resiliência e sustentabilidade às nações mais fragilizadas.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos