Mercado abrirá em 7 h 37 min
  • BOVESPA

    108.976,70
    -2.854,30 (-2,55%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.668,64
    -310,36 (-0,60%)
     
  • PETROLEO CRU

    74,04
    -2,24 (-2,94%)
     
  • OURO

    1.749,40
    -4,60 (-0,26%)
     
  • BTC-USD

    16.192,18
    -342,01 (-2,07%)
     
  • CMC Crypto 200

    379,82
    -2,83 (-0,74%)
     
  • S&P500

    4.026,12
    -1,14 (-0,03%)
     
  • DOW JONES

    34.347,03
    +152,93 (+0,45%)
     
  • FTSE

    7.486,67
    +20,07 (+0,27%)
     
  • HANG SENG

    17.225,41
    -348,17 (-1,98%)
     
  • NIKKEI

    28.160,74
    -122,29 (-0,43%)
     
  • NASDAQ

    11.687,25
    -95,50 (-0,81%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,6056
    -0,0188 (-0,33%)
     

Guedes diz que Selic é “freio de mão puxado”, mas estima alta de 4% no PIB

Guedes diz que Selic é “freio de mão puxado” mas estima alta de 4% no PIB
Guedes diz que Selic é “freio de mão puxado” mas estima alta de 4% no PIB
  • Guedes discursou durante o evento Perspectivas para a Economia Brasileira nesta segunda-feira;

  • Na semana passada, o Copom manteve a Selic em 13,75%;

  • A taxa básica interrompeu um ciclo de 12 altas seguidas.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, estimou nesta segunda-feira (26) que o País pode ter crescimento de até 4% no Produto Interno Bruto (PIB) mesmo com a taxa Selic com o “freio de mão puxado” este ano. Na semana passada, o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central manteve a taxa básica em 13,75%, interrompendo o ciclo de 12 altas seguidas.

“A Selic este ano é freio de mão puxado. Preferimos crescer mais moderado, mas com equilíbrio fiscal. O fiscal está forte, a política monetária a mesma coisa. Com o freio de mão puxado, vamos crescer 3,5% a 4% (do PIB)", disse o ministro.

A declaração foi dada durante o evento Perspectivas para a Economia Brasileira, organizado pelo Fórum Empresarial da Bahia, em Salvador. No discurso, Guedes ainda provocou o ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva (PT). "Como o Brasil não vai crescer? Só não cresce se a gente colocar lá um saci-pererê, que só pula com a perninha esquerda".

O ministro anunciou mais uma vez que Jair Bolsonaro pretende extinguir o Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), caso seja reeleito. Na visão dele, o “IPI é imposto de desindustrialização em massa.”

Além disso, Guedes aproveitou mais uma vez o discurso para defender o atual presidente, acusando a oposição de fazer militância e de tentar boicotar o governo federal. “Nosso governo foi atacado de manhã, de tarde e de noite, 3 anos e meio. É a crise de abstenção de quem não está no poder, depois de 30 anos no poder”, afirmou.