Mercado abrirá em 31 mins
  • BOVESPA

    105.069,69
    +603,69 (+0,58%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.597,29
    -330,11 (-0,65%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,08
    +1,82 (+2,75%)
     
  • OURO

    1.783,00
    -0,90 (-0,05%)
     
  • BTC-USD

    47.485,46
    -1.859,86 (-3,77%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.211,23
    -230,53 (-15,99%)
     
  • S&P500

    4.538,43
    -38,67 (-0,84%)
     
  • DOW JONES

    34.580,08
    -59,72 (-0,17%)
     
  • FTSE

    7.176,57
    +54,25 (+0,76%)
     
  • HANG SENG

    23.349,38
    -417,31 (-1,76%)
     
  • NIKKEI

    27.927,37
    -102,20 (-0,36%)
     
  • NASDAQ

    15.649,50
    -68,25 (-0,43%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3878
    -0,0075 (-0,12%)
     

Guedes diz que arrecadação extraordinária paga com folga aumento do Auxílio Brasil

·1 min de leitura

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que o país já arrecadou R$ 300 bilhões a mais do que o previsto para 2021 e que parte desse excesso pode ser usada para bancar o novo programa de transferência de renda, o Auxílio Brasil, compensando parte do valor que ficará fora do teto de gastos.

— A nossa arrecadação, que tinha vindo R$ 200 bilhões acima do previsto, já passou dos R$ 300 bilhões. Isso não é um sinal para sair gastando, não. Isso é um sinal justamente para mostrar a determinação do presidente em ajudar os mais frágeis, aumentando um protótipo de renda básica — afirmou Guedes durante evento no Palácio do Planalto nesta segunda-feira.

Os dados oficiais da arrecadação do país até setembro serão divulgados na terça-feira, mas o ministro adiantou que haveria novo recorde e defendeu o uso dos recursos para turbinar o Auxílio Brasil, a reformulação do Bolsa Família.

Para chegar ao valor mínimo de R$ 400 mensais para cada família beneficiada, o governo terá de bancar parte dessas despesas fora do teto de gastos. A decisão provocou uma debandada na equipe de Guedes, e quatro secretários deixaram os cargos na última semana.

O ministro miniminou o gasto fora do teto, a principal âncora da política fiscal brasileira, e reafirmou que foi a maneira de atender a um pedido do presidente:

— Evidente que seja com um pedido de extrateto, seja com uma revisão, não podemos disfarçar a verdade: a verdade é que vai haver um gasto um pouco maior, estamos falando de R$ 30 e poucos bilhões. Para um país que arrecadou R$ 300 bilhões a mais do que o ano passado, R$ 30 bilhões são 10%.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos