Mercado fechado
  • BOVESPA

    121.800,79
    -3.874,54 (-3,08%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.868,32
    -766,28 (-1,48%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,81
    +0,19 (+0,26%)
     
  • OURO

    1.812,50
    -18,70 (-1,02%)
     
  • BTC-USD

    41.821,77
    -121,86 (-0,29%)
     
  • CMC Crypto 200

    955,03
    +5,13 (+0,54%)
     
  • S&P500

    4.395,26
    -23,89 (-0,54%)
     
  • DOW JONES

    34.935,47
    -149,06 (-0,42%)
     
  • FTSE

    7.032,30
    -46,12 (-0,65%)
     
  • HANG SENG

    25.961,03
    -354,29 (-1,35%)
     
  • NIKKEI

    27.283,59
    -498,83 (-1,80%)
     
  • NASDAQ

    14.966,50
    -71,25 (-0,47%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1880
    +0,1475 (+2,44%)
     

Grupos de direitos humanos pedem investigação Raisi por crimes contra a humanidade

·1 minuto de leitura

PARIS (Reuters) - A Anistia Internacional e o Human Rights Watch afirmaram que a eleição de Ebrahim Raisi como novo presidente do Irã foi um golpe aos direitos humanos e pediram que ele seja investigado pelo seu papel no que Washington e grupos de direitos humanos chamam de execuções extrajudiciais de milhares de prisioneiros políticos em 1988.

O Irã nunca reconheceu as execuções em massa, e Raisi nunca respondeu publicamente às acusações sobre sua participação. Alguns clérigos afirmaram que os julgamentos foram justos, elogiando a "eliminação" de adversários armados nos primeiros anos da revolução islâmica de 1979.

"O fato de Ebrahim Raisi ter chegado à presidência em vez de ser investigado por crimes contra a humanidade, de assassinato, desaparecimentos e tortura, é uma lembrança sombria de que a impunidade reina suprema no Irã", disse a secretária-geral da Anistia Internacional, Agnès Callamard, em um comunicado.

A Human Rights Watch, com sede em Nova York, ecoou esse sentimento.

(Reportagem de John Irish)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos