Mercado fechado
  • BOVESPA

    115.202,23
    +2.512,23 (+2,23%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    46.342,54
    +338,34 (+0,74%)
     
  • PETROLEO CRU

    66,28
    +0,19 (+0,29%)
     
  • OURO

    1.698,20
    -0,30 (-0,02%)
     
  • BTC-USD

    49.969,39
    +1.530,39 (+3,16%)
     
  • CMC Crypto 200

    982,93
    +39,75 (+4,21%)
     
  • S&P500

    3.841,94
    +73,47 (+1,95%)
     
  • DOW JONES

    31.496,30
    +572,20 (+1,85%)
     
  • FTSE

    6.630,52
    -20,36 (-0,31%)
     
  • HANG SENG

    29.098,29
    -138,51 (-0,47%)
     
  • NIKKEI

    28.864,32
    -65,78 (-0,23%)
     
  • NASDAQ

    12.652,50
    -11,25 (-0,09%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7780
    -0,0079 (-0,12%)
     

Grupo 3M vendeu 2 bilhões de máscaras em 2020 e lucro dispara

·1 minuto de leitura
Máscaras da 3M modelo N95

O grupo americano 3M, que produz máscaras de proteção, teve um forte aumento do lucro no quarto trimestre de 2020 e em todo o ano, impulsionado pela demanda da pandemia.

Entre outubro e dezembro, a demanda permaneceu sólida em todas as áreas em que a empresa atua, detalhou em um comunicado.

O 3M triplicou em 2020 sua produção de máscaras N95, as mais seguras contra a covid-19, das quais vendeu 2 bilhões.

Outras áreas, como a de produtos para cuidados não essenciais, a eletrônica, ou itens de escritório, se retraíram.

Seu faturamento cresceu 5,6% no quarto trimestre de 2020 para 8,6 bilhões de dólares, e o lucro subiu 43% nesse período em relação ao mesmo período de 2019, a 1,4 bilhões de dólares.

Em todo o ano, o faturamento acumulado foi de 32,2 bilhões de dólares, enquanto o lucro líquido cresceu 18%, para 5,4 bilhões de dólares.

Os números superam as previsões do mercado, e as ações do 3M subiam quase 2% às 11h25 (horário de Brasília).

jum/jul/sr/mr/llu/aa