Mercado fechará em 18 mins

Grêmio pede anulação de jogo contra o São Paulo após chamar arbitragem de "assalto"

Colaboradores Yahoo Esportes
·2 minutos de leitura
SAO PAULO, BRAZIL - OCTOBER 17: Players of Gremio and of Sao Paulo in action during the match as part of Brasileirao Series A 2020 at Morumbi Stadium on October 17, 2020 in Sao Paulo, Brazil. (Photo by Alexandre Schneider/Getty Images)
SAO PAULO, BRAZIL - OCTOBER 17: Players of Gremio and of Sao Paulo in action during the match as part of Brasileirao Series A 2020 at Morumbi Stadium on October 17, 2020 in Sao Paulo, Brazil. (Photo by Alexandre Schneider/Getty Images)

O Grêmio pedirá a anulação da partida contra o São Paulo, realizada no último sábado (17) no estádio do Morumbi (SP), em decorrência do que considerou uma arbitragem “desastrosa e danosa”. Dirigentes do time gaúcho reclamaram da atuação de Rafael Traci (SC) e do VAR no empate por 0 a 0 pelo Campeonato Brasileiro.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Esportes no Google News

“Na manhã deste domingo, em face à arbitragem desastrosa e danosa do jogo contra o São Paulo, ocorrido na noite de ontem, após a concessão da troca do quadro arbitral, o Presidente Romildo Bolzan Jr comunica que pedirá a anulação da partida, bem como investigação da reunião realizada entre membros da CBF com a parte arbitral que motivou a mudança na escala do árbitro do VAR”, comunicou o Grêmio.

Leia também:

“Equívocos, descritérios, erros e a omissão do VAR em lances capitais da partida colocam a arbitragem brasileira sob suspeição”, completa a nota, divulgada nas redes sociais do Tricolor gaúcho.

O vice de futebol gremista, Paulo Luz, chamou a arbitragem de Rafael Traci de “assalto”, alegando que suas decisões desfavoráveis ao Grêmio foram condicionadas pelos episódios da última semana.

De acordo com o site Globoesporte, o árbitro destino a operar o VAR no Morumbi foi trocado pela CBF às vésperas da partida, após um encontro entre dirigentes são-paulinos e representantes da entidade para debater erros cometidos contra o time paulista no duelo contra o Atlético-MG.

“Muita indignação. Nós fizemos um grande jogo, merecíamos a vitória, e o que houve aqui hoje foi um assalto. Assalto! O Luiz Fernando sofreu uma falta para expulsão, vergonhosa, o Daniel Alves, como o Alisson também já tinha recebido uma fala que o tirou praticamente do jogo, com a complacência do árbitro, sem que ele tomasse uma atitude, porque ele já estava condicionado. Ele veio para São Paulo condicionado. Ele veio para cá porque o São Paulo hoje não poderia perder de forma alguma para o Grêmio”, afirmou Paulo Luz, após o jogo.

“Estamos muito indignados e haveremos de tomar as providências formais, cabíveis, junto à CBF e à comissão de arbitragem, e esperamos que eles tenham condições não de reparar este erro, porque os dois pontos já estão perdidos, mas daqui para frente agir com isenção, correção e estabelecer justiça para todos os 20 participantes do Campeonato Brasileiro”, prosseguiu o dirigente gremista.