Mercado fechará em 3 h 55 min
  • BOVESPA

    129.401,13
    -806,83 (-0,62%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.821,89
    -207,65 (-0,41%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,73
    +0,85 (+1,20%)
     
  • OURO

    1.861,60
    -4,30 (-0,23%)
     
  • BTC-USD

    40.076,70
    -470,54 (-1,16%)
     
  • CMC Crypto 200

    998,09
    -12,52 (-1,24%)
     
  • S&P500

    4.243,53
    -11,62 (-0,27%)
     
  • DOW JONES

    34.222,73
    -171,02 (-0,50%)
     
  • FTSE

    7.172,48
    +25,80 (+0,36%)
     
  • HANG SENG

    28.638,53
    -203,60 (-0,71%)
     
  • NIKKEI

    29.441,30
    +279,50 (+0,96%)
     
  • NASDAQ

    14.054,25
    -70,50 (-0,50%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1707
    +0,0392 (+0,64%)
     

Grandes fundos lançam programa para contratação de jovens vulneráveis

·2 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Representante dos fundos que investem em participações de empresas, a ABVCAP (Associação Brasileira de Private Equity e Venture Capital) lança nesta quinta (20) iniciativa para ampliar a contratação e a qualificação de jovens de baixa renda e de minorias nas companhias onde eles injetam recursos.

A entidade reúne 130 gestores de fundos, incluindo os dedicados a startups e a empresas maduras. Juntos, eles contam com 850 empresas investidas.

A iniciativa, que ganhou o nome "Contrate um Jovem e Transforme o País", nasce com adesão de 12 fundos que participaram de sua elaboração, entre eles grupos conhecidos, como Vinci, Pátria, Península, The Carlyle Group e Warburg Pincus.

Luciana Ribeiro, sócia da gestora EB Capital e coordenadora do Comitê Brasil 2030 da ABVCAP, diz que o objetivo é que 50% das gestoras que fazem parte da associação se tornem signatárias da campanha em um ano.

Segundo a executiva, o movimento da entidade vem em momento em que empresas discutem com mais frequência a necessidade de cumprir critérios ESG (ambientais, sociais e de governança), ajudando elas a tornarem seus compromissos realidade.

A partir do programa, as signatárias se comprometem a preparar em um ano as áreas de recursos humanos das empresas em que investem para contratar pessoas com idade de 14 a 24 anos, tomar medidas para ampliar a retenção desses jovens e auxiliar seu desenvolvimento profissional.

Haverá acompanhamento semestral dos resultados obtidos pelos fundos signatários, diz Ribeiro.

A executiva afirma que, apesar de as empresas investidas pelos fundos terem muitas vagas abertas e o desemprego entre jovens ser muito alto, ainda há dificuldade para que mais contratações aconteçam, por causa da falta de qualificação.

A ABVCAP conta com apoio da Unicef para sua iniciativa, , a partir do programa 1 Milhão de Oportunidades, que oferece treinamento e apoio no encaminhamento profissional dos jovens, do Pacto Global da ONU e da rede de investidores PRI (Principles for Responsible Investment).

Ribeiro diz que também será construído um grupo de ONGs parceiras para ajudar os fundos nas contratações e nos treinamentos.