Mercado fechado
  • BOVESPA

    121.113,93
    +412,93 (+0,34%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.726,98
    +212,88 (+0,44%)
     
  • PETROLEO CRU

    63,07
    -0,06 (-0,10%)
     
  • OURO

    1.777,30
    -2,90 (-0,16%)
     
  • BTC-USD

    56.078,41
    -5.212,04 (-8,50%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.398,97
    +7,26 (+0,52%)
     
  • S&P500

    4.185,47
    +15,05 (+0,36%)
     
  • DOW JONES

    34.200,67
    +164,67 (+0,48%)
     
  • FTSE

    7.019,53
    +36,03 (+0,52%)
     
  • HANG SENG

    28.969,71
    +176,61 (+0,61%)
     
  • NIKKEI

    29.683,37
    +40,67 (+0,14%)
     
  • NASDAQ

    14.024,00
    -5,50 (-0,04%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6900
    -0,0311 (-0,46%)
     

GPA diz que não há processo em andamento envolvendo participação na Cnova

·1 minuto de leitura

(Reuters) - O GPA afirmou nesta terça-feira que neste momento não existe nenhuma decisão ou processo em andamento que se configure como um fato relevante envolvendo a participação que detém na Cnova, braço de comércio eletrônico do francês Casino, que controla o GPA.

"Em relação a possíveis venda de ativos, incluindo a participação que detém na Cnova, a companhia, conforme é de conhecimento do mercado, está sempre olhando oportunidades de monetização de ativos... mas ressalta que neste momento não existe nenhuma decisão ou processo em andamento", afirmou.

As ações do varejista dispararam quase 20% nos últimos dois pregões em meio a notícias e comentários de analistas, entre eles de que o Casino poderia se desfazer da sua participação na Cnova, na qual o GPA detém 34%.

No esclarecimento aos reguladores nesta terça-feira, o GPA acrescentou que desconhece informações acerca de decisões de reestruturação e venda de ativos pelo Casino e nem da possibilidade de uma oferta de um terceiro pelo GPA. "Tais informações se tratam de meras especulações de mercado."

(Por Paula Arend Laier)