Mercado abrirá em 3 h 32 min
  • BOVESPA

    110.580,79
    +234,97 (+0,21%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.304,04
    -72,85 (-0,14%)
     
  • PETROLEO CRU

    110,89
    +1,12 (+1,02%)
     
  • OURO

    1.856,50
    -8,90 (-0,48%)
     
  • BTC-USD

    29.741,51
    +457,33 (+1,56%)
     
  • CMC Crypto 200

    661,42
    +5,59 (+0,85%)
     
  • S&P500

    3.941,48
    -32,27 (-0,81%)
     
  • DOW JONES

    31.928,62
    +48,38 (+0,15%)
     
  • FTSE

    7.504,95
    +20,60 (+0,28%)
     
  • HANG SENG

    20.171,27
    +59,17 (+0,29%)
     
  • NIKKEI

    26.677,80
    -70,34 (-0,26%)
     
  • NASDAQ

    11.752,50
    -18,50 (-0,16%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1548
    -0,0174 (-0,34%)
     

Governo zera Imposto de Importação sobre produtos de informática e outros itens

O Ministério da Economia publicou, na edição desta terça-feira (10) do Diário Oficial da União (DOU), três decretos que zeram a alíquota do Imposto de Importação (II) sobre produtos de informática, telecomunicações, peças de automóveis e ferramentas até 31 de dezembro de 2025.

Os documentos acrescentam e excluem produtos já listados antes em três resoluções, uma de dezembro de 2021 e duas de abril de 2022. Alguns dos itens que ganharam isenção de imposto foram impressoras multifuncionais, computadores portáteis para uso industrial, servidores, rádios e antenas GPS.

Segundo o texto das resoluções, a determinação partiu do comitê executivo de gestão da Câmara de Comércio Exterior, órgão vinculado ao ministério. Os itens foram reclassificados como ex-tarifários, ou seja, contarão com uma redução temporária dos tributos.

Imposto de Importação está previsto no artigo 153 da Constituição (Imagem: RoseBox/Unsplash)
Imposto de Importação está previsto no artigo 153 da Constituição (Imagem: RoseBox/Unsplash)

O Imposto de Importação está previsto no artigo 153 da Constituição brasileira e existe para proteger o mercado brasileiro da concorrência de produtos internacionais. Ele é cobrado pela União quando um produto estrangeiro entra em território nacional para ser comercializado no país

Segundo reportagem da Folha de S. Paulo na segunda-feira (9), o governo federal planeja um corte de 10% na tarifa de importação praticada atualmente pelo Brasil. O plano é isentar 11 tipos de produtos do imposto de importação, incluindo o aço e itens da cesta básica. A lista completa ainda não foi divulgada. Segundo o ministro da Economia, Paulo Guedes, seria para conter a alta da inflação no país, que levou a taxa Selic a 12,75%, maior aumento desde 2017.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos