Mercado fechará em 2 hs
  • BOVESPA

    123.339,60
    +823,86 (+0,67%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.373,34
    +503,86 (+0,99%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,48
    -0,78 (-1,09%)
     
  • OURO

    1.813,60
    -8,60 (-0,47%)
     
  • BTC-USD

    38.037,84
    -1.699,82 (-4,28%)
     
  • CMC Crypto 200

    926,86
    -16,58 (-1,76%)
     
  • S&P500

    4.414,57
    +27,41 (+0,62%)
     
  • DOW JONES

    35.055,39
    +217,23 (+0,62%)
     
  • FTSE

    7.105,72
    +24,00 (+0,34%)
     
  • HANG SENG

    26.194,82
    -40,98 (-0,16%)
     
  • NIKKEI

    27.641,83
    -139,19 (-0,50%)
     
  • NASDAQ

    15.016,75
    +64,00 (+0,43%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1969
    +0,0528 (+0,86%)
     

Governo pagou R$ 10 bi de auxílio emergencial de forma indevida, segundo CGU

·1 minuto de leitura
Real - Money from Brazil. Currency, Dinheiro, Brasil, Emprego. Man holding a fifty reais banknotes.
Servidores públicos estaduais, municipais e distritais receberam R$ 1,2 bilhão em auxílio emergencial nesse período
  • Governo federal pagou cerca de R$ 10,1 bilhões em auxílio emergencial indevidamente

  • R$ 4 milhões desse total foram parar nas contas de quem já tinha emprego com carteira assinada

  • Informações foram levantadas pela Controladoria-Geral da União e correspondem a dados de abril a novembro de 2020

Um relatório da CGU (Controladoria-Geral da União) mostra que foram pagos indevidamente R$ 10,1 bilhões em auxílio emergencial de abril a novembro do ano passado. Esse valor corresponde a 4,6% do valor total destinado para o benefício pelo governo federal. As informações são do colunista Guilherme Amado, do Metrópoles. 

Leia também:

Segundo a CGU, mesmo tomando conhecimento do problema, as ações tomadas pelo Ministério da Cidadania para recuperar esse dinheiro são muito “incipientes”.

Os desvios ficaram divididos assim:

  • R$ 4 bilhões foram pagos a quem tinha empregos formais, com carteira assinada;

  • R$ 2,9 bilhões por outros motivos;

  • R$ 2 bilhões quem tinha renda familiar acima do limite permitido;

  • R$ 1,2 bilhão na conta de agentes públicos estaduais, municipais e distritais;

  • R$ 139,6 milhões a 74,5 mil pessoas que já estavam mortas.

Cálculos do TCU

Quando comparada à estimativa do TCU (Tribunal de Contas da União), os cálculos da Controladoria levam a números bem maiores. Aqui, a estimativa é de R$ 54 bilhões somente em pagamentos feitos irregularmente.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos