Mercado fechado
  • BOVESPA

    129.441,03
    -635,14 (-0,49%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.286,46
    +400,13 (+0,79%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,78
    +0,49 (+0,70%)
     
  • OURO

    1.879,50
    -16,90 (-0,89%)
     
  • BTC-USD

    35.721,23
    -1.187,72 (-3,22%)
     
  • CMC Crypto 200

    924,19
    -17,62 (-1,87%)
     
  • S&P500

    4.247,44
    +8,26 (+0,19%)
     
  • DOW JONES

    34.479,60
    +13,36 (+0,04%)
     
  • FTSE

    7.134,06
    +45,88 (+0,65%)
     
  • HANG SENG

    28.842,13
    +103,25 (+0,36%)
     
  • NIKKEI

    28.948,73
    -9,83 (-0,03%)
     
  • NASDAQ

    13.992,75
    +33,00 (+0,24%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1926
    +0,0391 (+0,64%)
     

Governo eleva projeção do PIB em 2021 de 3,2% para 3,5%

·1 minuto de leitura
*ARQUIVO* BRASÍLIA, DF,  29.03.2021 - O ministro da Economia, Paulo Guedes, durante cerimônia no Palácio do Planalto, em Brasília (DF). (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)
*ARQUIVO* BRASÍLIA, DF, 29.03.2021 - O ministro da Economia, Paulo Guedes, durante cerimônia no Palácio do Planalto, em Brasília (DF). (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O governo elevou a projeção de crescimento para o PIB (Produto Interno Bruto) neste ano de 3,2% para 3,5%.

O número foi divulgado nesta terça-feira (18) pelo Ministério da Economia e atualiza a projeção anterior, que não era alterada desde maio do ano passado.

A pasta destaca que o setor de serviços tem apresentado recuperação em 2021 e está mais próximo do nível pré-crise. Além disso, afirma que o crescimento global tem elevado as projeções também em outras economias com o avanço da vacinação contra a Covid-19.

A mudança acompanha o movimento do mercado, que vem elevando suas perspectivas para a economia neste ano. O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirma que haverá um crescimento acima de 4% neste ano.

A mediana para o PIB de 2021 do boletim Focus, elaborado pelo Banco Central a partir de expectativas de analistas, subiu de 3,04% há um mês para 3,45% nesta segunda-feira (17).

Algumas instituições se mostram ainda mais otimistas. O Itaú Unibanco revisou recentemente a projeção de crescimento do PIB (Produto Interno Bruto) de 2021 de 3,8% para 4%.

O avanço ocorre após uma queda recorde de 4,1% em 2020, resultado do impacto econômico gerado pela pandemia do novo coronavírus. Foi o maior recuo da série histórica com a metodologia atual, que começa em 1996, superando a retração de 3,5% registrada em 2015.