Mercado fechará em 5 h 8 min
  • BOVESPA

    97.380,14
    -1.161,81 (-1,18%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.604,80
    +80,35 (+0,17%)
     
  • PETROLEO CRU

    107,59
    +1,83 (+1,73%)
     
  • OURO

    1.801,10
    -6,20 (-0,34%)
     
  • BTC-USD

    19.405,71
    +381,53 (+2,01%)
     
  • CMC Crypto 200

    416,63
    -3,51 (-0,84%)
     
  • S&P500

    3.758,53
    -26,85 (-0,71%)
     
  • DOW JONES

    30.545,51
    -229,92 (-0,75%)
     
  • FTSE

    7.134,18
    -35,10 (-0,49%)
     
  • HANG SENG

    21.859,79
    -137,10 (-0,62%)
     
  • NIKKEI

    25.935,62
    -457,42 (-1,73%)
     
  • NASDAQ

    11.428,00
    -101,50 (-0,88%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5299
    +0,0243 (+0,44%)
     

Google Street View anuncia nova câmera 'fofa' e 'viagem no tempo'

Equipamento pode ser transportado em uma mochila para chegar em locais mais remotos. (Divulgação/Google)
Equipamento pode ser transportado em uma mochila para chegar em locais mais remotos. (Divulgação/Google)
  • Google afirmou que passou a coletar dados dos locais mapeados usando inteligência artificial;

  • Previsão de estreia do novo equipamento é em 2023;

  • Recurso de ‘viagem no tempo’ só estava disponível no desktop.

Em comemoração aos 15 anos do Street View, o Google revelou uma nova câmera que tornará muito mais fácil tirar fotos do mundo, principalmente em locais remotos, como pequenas ilhas e topos de montanhas. A empresa ainda liberou a função de "viagem no tempo" através de imagens para celular.

Com ela, é possível verificar o histórico de capturas de imagens de um determinado local e, assim, acompanhar a evolução da paisagem ao longo do tempo. Até então, isso funcionava só desktop.

Outra novidade é o Immersive View, uma função que combina imagens do Street View com fotos aéreas para montar modelos de cidades do mundo.

Já o recurso chamado Live View mescla o modo de navegação dos mapas com imagens capturadas pela câmera do celular, em um esquema de realidade aumentada. Isso permite guiar o usuário de forma mais detalhada.

Atual equipamento do Street View, ela inclui sete câmeras individuais. (Virginie Lefour/AFP)
Atual equipamento do Street View, ela inclui sete câmeras individuais. (Virginie Lefour/AFP)

Fora isso, o Google afirmou que passou a coletar dados dos locais mapeados usando inteligência artificial, de maneira a manter atualizadas informações como horário de abertura e fechamento de estabelecimentos e alterações nas vias —como novos limites de velocidade e interdições.

Novo equipamento

Mais leve, com sete quilos a menos, a nova estrutura permitirá mapear locais remotos, nos quais o acesso via carro é complexo ou inviável, afirma a empresa. O equipamento pode, por exemplo, ser transportado em uma mochila, o que facilitará a produção de registros em áreas ainda não representadas na plataforma.

A câmera pesa 450 gramas (cerca de um décimo do peso da câmera atual mais todos os eletrônicos que a existente requer), é modular para que possa ser personalizado com diferentes sensores quando necessário e pode ser conectado rapidamente ao topo do bagageiro de um carro sem precisar que o carro seja personalizado (o que permitirá conectá-lo a muitos outros tipos de carros).

Assim como a atual câmera do Street View, ela inclui sete câmeras individuais, cada uma com um sensor de 20 megapixels, para que possa capturar imagens panorâmicas de 140 megapixels. A equipe do Street View está testando a nova câmera perto de sua sede em Mountain View e planeja começar a usá-la amplamente no próximo ano.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos