Mercado fechado
  • BOVESPA

    117.380,49
    -948,51 (-0,80%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.126,51
    +442,96 (+0,99%)
     
  • PETROLEO CRU

    52,87
    +0,60 (+1,15%)
     
  • OURO

    1.855,00
    -1,20 (-0,06%)
     
  • BTC-USD

    32.324,75
    -1.122,50 (-3,36%)
     
  • CMC Crypto 200

    649,95
    -26,95 (-3,98%)
     
  • S&P500

    3.855,36
    +13,89 (+0,36%)
     
  • DOW JONES

    30.960,00
    -36,98 (-0,12%)
     
  • FTSE

    6.638,85
    -56,22 (-0,84%)
     
  • HANG SENG

    30.159,01
    +711,16 (+2,41%)
     
  • NIKKEI

    28.822,29
    +190,84 (+0,67%)
     
  • NASDAQ

    13.464,25
    +102,75 (+0,77%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6377
    -0,0143 (-0,21%)
     

Google revela os melhores aplicativos e jogos de 2020; confira a lista

Rubens Eishima
·1 minuto de leitura

Como já se tornou tradição nos últimos anos, o Google divulgou uma lista com os melhores aplicativos e jogos do ano. O ranking pode ser consultado no próprio app da Google Play. Para o Brasil a seleção é dividida apenas nas duas categorias, enquanto em outros países inclui segmentação por estilos e ainda listas de livros e filmes.

A seleção dos melhores aplicativos para o Brasil tem uma forte presença de programas voltados para meditação e combate ao estresse:

Já os melhores games foram dominados por títulos gratuitos no estilo F2P (com itens pagos):

Categorias exclusivas dos EUA

Enquanto no Brasil a seleção é dividida apenas entre apps e jogos, nos Estados Unidos o Google separou a premiação em diversas categorias, além da seleção do melhor app e jogo deste ano. O principal aplicativo de 2020 foi o Loóna (Play Store), voltado para relaxamento. Já o game do ano foi o sucesso Genshin Impact (Play Store), da chinesa miHoYo Limited.

Os norte-americanos contaram ainda com categorias para os cinco melhores livros e filmes de 2020. Nem todos estão disponíveis no Brasil ou em português:

Melhores filmes de 2020 (EUA):

Melhores livros de 2020 (EUA):

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: