Mercado fechará em 3 h 2 min
  • BOVESPA

    103.894,50
    -3.840,51 (-3,56%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.958,21
    -61,84 (-0,12%)
     
  • PETROLEO CRU

    82,68
    +0,18 (+0,22%)
     
  • OURO

    1.787,50
    +5,60 (+0,31%)
     
  • BTC-USD

    60.780,35
    -2.334,82 (-3,70%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.447,88
    -55,16 (-3,67%)
     
  • S&P500

    4.532,72
    -17,06 (-0,37%)
     
  • DOW JONES

    35.591,10
    -11,98 (-0,03%)
     
  • FTSE

    7.204,55
    +14,25 (+0,20%)
     
  • HANG SENG

    26.126,93
    +109,40 (+0,42%)
     
  • NIKKEI

    28.804,85
    +96,27 (+0,34%)
     
  • NASDAQ

    15.293,00
    -185,75 (-1,20%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6575
    +0,0765 (+1,16%)
     

Google reconhece falhas e oferece trocas para Pixel 3 e 3 XL inutilizados

·2 minuto de leitura

O Google finalmente começou a reconhecer um dos problemas mais recorrentes dos seus aparelhos no último ano, passando a oferecer a troca de celulares para usuários que possuem um Pixel 3 ou Pixel 3 XL preso na tela do modo EDL da Qualcomm e impossibilitado de ser ligado.

Para recapitular, há cerca de um ano vários donos dos aparelhos citados começaram a relatar o mesmo problema com seus dispositivos: os celulares desligavam do nada e não era possível reiniciar o sistema novamente, pois todos ficavam travados na tela EDL — que oferece as opções para reinstalar o software do telefone. Ao entrar em contato, a maioria recebeu um retorno negativo, já que muitos já estavam fora do período de garantia.

Agora, passado cerca de um ano do surgimento dos primeiros casos, a empresa de Mountain View finalmente começou a oferecer uma solução satisfatória para os afetados. Um dos usuários que reclamou dessa falha há um tempo recebeu um e-mail da Equipe de Suporte Avançado de Hardware do Google com algumas instruções para a troca do smartphone:

“Há alguns dias, recebi um e-mail da Equipe de Suporte Avançado de Hardware dizendo que eles queriam me oferecer um substituto porque precisavam examinar alguns desses dispositivos. Eu rapidamente enviei meu 3XL com brick e eles vão me enviar um dispositivo de substituição, mas não sei que modelo será ainda”.

(Imagem: Divulgação/Google)
(Imagem: Divulgação/Google)

Apesar de o Google não ter revelado qual será o aparelho de troca, é possível que seja unidades refabricadas do próprio Pixel 3 e Pixel 3 XL, já que a política da empresa geralmente segue dessa forma. Considerando que são dispositivos relativamente antigos e que a marca está em vias de iniciar as vendas da linha Pixel 6, porém, esse interesse repentino em resolver o problema dos usuários pode acabar gerando marketing para os novos produtos, sendo eles os modelos escolhidos para substituir os celulares avariados.

Como dito, o primeiro caso de uma unidade do Pixel 3 ou 3 XL “brickado” surgiu há cerca de um ano, mas, de lá para cá, muitos outros continuaram a aparecer, com relatos ocasionais no Reddit ou em plataformas de suporte do próprio Google.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos