Mercado fechado
  • BOVESPA

    113.794,28
    -1.268,26 (-1,10%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.192,33
    +377,16 (+0,73%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,57
    -0,04 (-0,06%)
     
  • OURO

    1.753,80
    -41,00 (-2,28%)
     
  • BTC-USD

    47.512,73
    -687,21 (-1,43%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.209,85
    -23,43 (-1,90%)
     
  • S&P500

    4.473,75
    -6,95 (-0,16%)
     
  • DOW JONES

    34.751,32
    -63,07 (-0,18%)
     
  • FTSE

    7.027,48
    +10,99 (+0,16%)
     
  • HANG SENG

    24.667,85
    -365,36 (-1,46%)
     
  • NIKKEI

    30.323,34
    -188,37 (-0,62%)
     
  • NASDAQ

    15.505,50
    +1,50 (+0,01%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1850
    -0,0110 (-0,18%)
     

Google Pixel 6 e 6 Pro ganham novos detalhes e modelo dobrável deve ser adiado

·2 minuto de leitura

O Google Pixel 6 e Pixel 6 Pro ainda não chegaram às lojas, mas não paramos de receber informações sobre os futuros celulares topo de linha da Gigante das Buscas. Dessa vez, o leaker Yogesh Brar compartilhou alguns detalhes sobre o suporte ao carregamento rápido dos flagships com a equipe do 91Mobiles.

Segundo este vazamento, os dois smartphones terão suporte para carga rápida de 33 W — um belo upgrade em relação às gerações passadas, apesar de ainda não igualar o nível de outras fabricantes de dispositivos Android, como Xiaomi, Vivo, Realme e OPPO, por exemplo.

Segundo Yogesh, a empresa de Mountain View já possui dezenas de unidades dos carregadores de 33 W para testes em sua sede, mas esses acessórios provavelmente já serão recolhidos e não devem ser distribuídos, já que foram fabricados apenas para as análises internas na fábrica.

(Imagem: Divulgação/Google)
(Imagem: Divulgação/Google)

Ainda em relação ao carregador, é importante lembrar que o Google vai seguir a tendência de outras fabricantes, como Apple e Samsung, e já confirmou que Pixel 6 e Pixel 6 Pro não contarão com o acessório incluso em suas embalagens para venda. Com isso, caso os futuros usuários queiram aproveitar a tecnologia de carga rápida, será preciso comprar o adaptador específico, com 33 W de potência.

Pixel dobrável adiado

Além das informações sobre o carregamento da nova série flagship do Google, Yogesh também revelou que a empresa deve atrasar o desenvolvimento de um futuro dispositivo dobrável e, por enquanto, ainda não há informações sobre quando este projeto voltará à mesa, apesar de o leaker acreditar que poderá ser exibida alguma prévia durante o lançamento da linha Pixel 6.

Os dois próximos topos de linha do Google foram apresentados no começo deste mês, com previsão de chegar às lojas no outono norte-americano, que corresponde aos meses de setembro a novembro. Ainda não há informações sobre o preço a ser praticado, sendo dito apenas que "será caro", e que ambos serão vendidos inicialmente apenas nos Estados Unidos e Japão.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos