Mercado abrirá em 6 h 3 min
  • BOVESPA

    129.264,96
    +859,61 (+0,67%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.315,69
    -3,88 (-0,01%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,66
    0,00 (0,00%)
     
  • OURO

    1.783,50
    +0,60 (+0,03%)
     
  • BTC-USD

    32.700,36
    -191,36 (-0,58%)
     
  • CMC Crypto 200

    786,02
    -64,32 (-7,56%)
     
  • S&P500

    4.224,79
    +58,34 (+1,40%)
     
  • DOW JONES

    33.876,97
    +586,89 (+1,76%)
     
  • FTSE

    7.062,29
    +44,82 (+0,64%)
     
  • HANG SENG

    28.439,27
    -49,73 (-0,17%)
     
  • NIKKEI

    28.884,13
    +873,20 (+3,12%)
     
  • NASDAQ

    14.124,00
    -6,00 (-0,04%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,9719
    -0,0034 (-0,06%)
     

Google I/O 2021: WearOS se funde ao Tizen, da Samsung

·2 minuto de leitura
Google I/O 2021: WearOS se funde ao Tizen, da Samsung
Google I/O 2021: WearOS se funde ao Tizen, da Samsung

A fusão entre o WearOS e o Tizen foi anunciada pela Google e pela Samsung na tarde desta terça-feira (18), durante o evento I/O, da big tech norte-americana. Os wearables (dispositivos vestíveis, em tradução livre) receberam atualização em três áreas principais, a começar pela plataforma unificada.

O trabalho entre as duas companhias foca, destacou Sammer Samat, vice-presidente de produtos da Google, na melhor vida da bateria, performance e facilidade para que desenvolvedores façam aplicativos para os relógios inteligentes. “Segundo, uma nova experiência para o consumidor, incluindo atualizações nos apps da Google favoritos e, terceiro, um serviço de classe mundial para saúde e fitness”, disse Samat.

Leia mais:

A fusão entre os sistemas operacionais em uma plataforma unificada promete uma performance mais rápida e mais tempo de bateria. Esse último fazia parte da principal reclamação dos consumidores. Para resolver o problema, as companhias usaram as vantagens de núcleos menores e de menor consumo para que os wearables acompanhem as atividades dia e noite com a bateria sobrando para o dia seguinte.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Juntos, eles garantem também aplicativos funcionando com 30% mais velocidade e transições animadas mais sutis. Além disso, a plataforma conjunta do WearOS com o Tizen ficará disponível para dispositivos de outras marcas. “O que significa que os desenvolvedores podem criar aplicativos para milhões de consumidores em todo o mundo para a Google Playstore”, acrescentou Samat.

Os wearables também receberam atualização no sistema de navegação. Através de atalhos, é possível mudar entre os aplicativos e widgets vão deixar os relógios com telas mais customizáveis para os usuários. “É uma coisa simples para uma experiência mais fluida e útil”, disse Bjron Kilburn, diretor de gestão de produtos da Google.

Animation shows how a double press on the watch’s side button enables switching to a recent app.
O sistema dos relógios inteligentes vai permitir que os usuários administrem melhor as tarefas no dispositivo. Imagem: Google/Divulgação

Outro ponto elucidado por Kilburn é a atualização de designs de aplicativos da própria empresa no WearOS, como a navegação curva a curva, Google Pay e o download de músicas do catálogo do YouTube Music para uso offline.

Por fim, Bjron Kilburn anunciou o novo membro da família Google: a Fitbit, empresa norte-americana de eletrônicos fitness. “Saúde e fitness são essenciais para esses dispositivos e a Fitbit oferece um serviço de classe mundial”, completou o diretor.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos