Mercado fechado

Google Fotos enviou vídeos de usuários para terceiros

RAPHAEL HERNANDES

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Uma falha fez com que vídeos que usuários salvaram no Google Fotos fossem enviados para terceiros sem autorização entre 21 e 25 de novembro de 2019.

O Google Fotos é o serviço da empresa de tecnologia voltado ao armazenamento de imagens e vídeos. Ele permite o salvamento automático na nuvem do conteúdo feito com a câmera do celular. 

Com o problema, ao exportar dados usando um sistema chamado Takeout --que permite baixar todas as informações que o Google tem sobre o usuário--, os vídeos de algumas pessoas foram trocados.

Isso significa que, ao solicitar o download desse conteúdo, um internauta poderia receber vídeos alheios, em vez de os seus próprios. 

Em nota enviada à reportagem, o Google confirmou o incidente e disse estar notificando usuários sobre a falha.

Um usuário identificado como Jon Oberheide compartilhou, no Twitter, o comunicado que recebeu da empresa. O texto diz que dados baixados podem estar "incompletos e podem conter vídeos que não são seus."

A plataforma recomenda a exclusão dos dados baixados no período e que um novo download seja feito no Google Takeout, que segundo a empresa já foi consertado.

Não foram confirmados quantos usuários foram afetados, nem se brasileiros estavam entre os impactados pelo problema.

De acordo com o site "9to5Google", especializado em assuntos relacionados à empresa, 0,01% dos usuários que solicitaram os dados pelo sistema Takeout nesse período foram afetados.