Mercado fechado
  • BOVESPA

    112.764,26
    +3.046,32 (+2,78%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.853,37
    +392,82 (+0,81%)
     
  • PETROLEO CRU

    91,88
    -2,46 (-2,61%)
     
  • OURO

    1.818,90
    +11,70 (+0,65%)
     
  • BTC-USD

    24.417,95
    +690,31 (+2,91%)
     
  • CMC Crypto 200

    574,64
    +3,36 (+0,59%)
     
  • S&P500

    4.280,15
    +72,88 (+1,73%)
     
  • DOW JONES

    33.761,05
    +424,38 (+1,27%)
     
  • FTSE

    7.500,89
    +34,98 (+0,47%)
     
  • HANG SENG

    20.175,62
    +93,19 (+0,46%)
     
  • NIKKEI

    28.546,98
    +727,65 (+2,62%)
     
  • NASDAQ

    13.580,00
    +268,75 (+2,02%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2024
    -0,1213 (-2,28%)
     

Google faz ajuste que promete melhorar muito as buscas com aspas

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

O Google anunciou hoje (4) um pequeno ajuste que promete aprimorar ainda mais a sua melhor ferramenta de busca: a opção de usar aspas para especificar um termo ou frase exato que deve conter nos resultados. A novidade foi anunciada no blog oficial da companhia.

Segundo o Google, a partir de agora, ao realizar uma busca usando aspas, o trecho específico do texto em que tal termo aparece será destacado já nos chamados snippets (aquele pequeno resumo que aparece na tela de resultados, logo abaixo do link em si). “Isso significa que você pode identificar com mais facilidade onde encontrar [os termos buscados] após clicar no link e visitar o conteúdo”, aposta a companhia.

Tradicionalmente, os snippets mostravam uma descrição geral da página em questão, mas o Google garante ter ouvido o feedback do público para realizar esse ajuste. Inclusive, a empresa tem uma explicação plausível sobre por que isso ainda não era uma regra: nem sempre o trecho em destaque estava em uma parte útil do site e poderia aparecer em um menu, por exemplo, prejudicando assim a exibição nos snippets.

Google promete resultados ainda mais poderosos de buscas usando aspas (Imgem: Divulgação/Google)
Google promete resultados ainda mais poderosos de buscas usando aspas (Imgem: Divulgação/Google)

Agora, esses trechos aparecem destacados em negrito nos snippets quando pesquisados a partir de um navegador de PC,como indica a imagem acima.

Fique atento

Apesar da novidade, o Google informa que nem sempre a frase citada com aspas está em uma parte visível da página. Como o buscador também leva em conta informações ocultas do usuário, como a metadescrição de sites ou descrição de imagens (o famigerado ALT), algumas vezes é possível que o trecho buscado não apareça na página em si.

A companhia lembra, ainda, que pode acontecer de uma página ter sofrido uma mudança recente e ainda não indexada ao Google. Nesses casos também é possível que o trecho buscado apareça no resultado da pesquisa, mas não seja encontrado na página em si quando visitada.

Outros alertas feitos pelo Google incluem o fato de que a busca com aspas pode, por vezes, encarar pontuação como espaço e também não exibir múltiplos termos citados separadamente — como tentar encontrar “bolo de morango” “disponível em Curitiba” na mesma pesquisa.

Vale a pena usar aspas na busca?

Segundo o próprio Google, depende. A empresa afirma que a busca por termos exatos pode ser útil, mas diz que, ao usar uma pesquisa específica assim pode-se “deixar passar conteúdo útil que usa palavras relacionadas”. Então, a dica matadora do Canaltech é ter o hábito de tentar mais de um formato de pesquisa.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos