Mercado abrirá em 3 h 56 min
  • BOVESPA

    128.057,22
    -1.202,27 (-0,93%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.202,80
    -376,30 (-0,74%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,50
    -0,54 (-0,76%)
     
  • OURO

    1.792,10
    +17,30 (+0,97%)
     
  • BTC-USD

    37.902,46
    -1.459,31 (-3,71%)
     
  • CMC Crypto 200

    941,87
    -28,01 (-2,89%)
     
  • S&P500

    4.221,86
    -1,84 (-0,04%)
     
  • DOW JONES

    33.823,45
    -210,22 (-0,62%)
     
  • FTSE

    7.125,05
    -28,38 (-0,40%)
     
  • HANG SENG

    28.801,27
    +242,68 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    28.964,08
    -54,25 (-0,19%)
     
  • NASDAQ

    14.190,00
    +24,50 (+0,17%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,9754
    +0,0129 (+0,22%)
     

Google estimula o uso da voz para navegar na internet

·2 minuto de leitura
Google estimula o uso da voz para navegar na internet
Google estimula o uso da voz para navegar na internet

Muitas pessoas ainda possuem uma certa resistência em utilizar a pesquisa de voz do Google. Isso acontece por muitos estarem acostumados a digitar, achando mais fácil e rápido utilizar a forma tradicional de pesquisa através do teclado. Mas, segundo uma publicação no blog do Google realizada no último dia 02/06, usar a voz para navegar pela internet está se tornando cada vez mais comum. De acordo com a pesquisa do site Statista, 42% da população global já utilizam o comando. A pesquisa ainda aponta que 39% da população da América Latina usa o recurso de voz em qualquer dispositivo.

O Google afirma que a tendência é que esses números cresçam cada vez mais em decorrência de um grande número de usuários novos na internet, nos quais não utilizam computadores ou não estão acostumados a digitar pelo celular. Assim, começar a usar o comando de voz é mais fácil para essas pessoas que não estão habituadas a usar teclados. A empresa ainda lançou um Manual de Voz (somente em inglês, por enquanto) “para ajudar a indústria de tecnologia a entender melhor por que as pessoas estão usando sua voz…”

O diretor de experiência do usuário do Google, Asif Baki diz que o intuito da plataforma é deixar a busca mais simples, mas assume que muitas vezes a tecnologia não funciona perfeitamente, fazendo com que o Google não entenda direito o que a pessoa está falando. Assim, muitos usuários deixam de utilizar o recurso do Google após algumas tentativas frustradas de reconhecimento da voz para pesquisar na internet. Além dessas falhas da tecnologia, outro desafio que afasta uma melhor experiência do usuário é a privacidade, muitos usuários se sentem incomodados ao fazer uma pesquisa de voz em locais públicos.

Baki orienta a indústria da tecnologia sobre a importância de entender e melhorar a experiência da pesquisa voz dos usuários, com o objetivo de melhorar a acessibilidade das ferramentas, como melhorar os ícones que ilustram o comando de voz para uma fácil identificação, dividir as frases longas em passagens mais curtas e se encaixar nas realidades diárias na fala das pessoas (levando em consideração as pausas, a respiração e o tempo em que a pessoa pensa antes de terminar a frase). O diretor ainda diz: “À medida que mais centenas de milhões de pessoas em todo o mundo ficam online, queremos que a voz pareça mais natural e útil. Estamos ansiosos para ajudar mais pessoas a usarem a voz – e se sentirem ouvidas.”

Imagem: Ekaterina Bolovtsova/Pexels/CC

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos