Mercado abrirá em 5 h 26 min
  • BOVESPA

    129.264,96
    +859,61 (+0,67%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.315,69
    -3,88 (-0,01%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,52
    -0,14 (-0,19%)
     
  • OURO

    1.781,50
    -1,40 (-0,08%)
     
  • BTC-USD

    32.721,50
    -35,54 (-0,11%)
     
  • CMC Crypto 200

    788,32
    -62,03 (-7,29%)
     
  • S&P500

    4.224,79
    +58,34 (+1,40%)
     
  • DOW JONES

    33.876,97
    +586,89 (+1,76%)
     
  • FTSE

    7.071,09
    +8,80 (+0,12%)
     
  • HANG SENG

    28.383,36
    -105,64 (-0,37%)
     
  • NIKKEI

    28.884,13
    +873,20 (+3,12%)
     
  • NASDAQ

    14.110,75
    -19,25 (-0,14%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,9719
    -0,0034 (-0,06%)
     

Google começa a testar o FLoC no Brasil e em outros 9 países

·4 minuto de leitura

Após muitas polêmicas, o Google finalmente deve começar a testar o Federated Learning of Cohorts (FLoC) em uma base de usuários maior do Chrome no Brasil, nos Estados Unidos e em outros oito países — Austrália, Canadá, Índia, Indonésia, Japão, México, Nova Zelândia e Filipinas. A expectativa é substituir totalmente os cookies de terceiros pelo FLoC até o início de 2022.

A nova tecnologia é uma alternativa aos tradicionais cookies que permite o monitoramento do comportamento dos usuários de forma coletiva, o que promete mais privacidade para as pessoas e mais eficácia no direcionamento de anúncios. Ele usa o próprio navegador para identificar padrões e classificar as pessoas em grupos de interesse mais amplos, como “pessoas que acessam o Canaltech cinco vezes por semana”. Direcionar propagandas para esse público é mais eficaz do que para alguém que entrou uma única vez.

Os "novos cookies" do Google monitoram as pessoas em grupos, em vez de fazê-lo individualmente (Imagem: Divulgação/Google)
Os "novos cookies" do Google monitoram as pessoas em grupos, em vez de fazê-lo individualmente (Imagem: Divulgação/Google)

Segundo o Google, isso deve reduzir a exposição das pessoas da web, já que o rastreamento seria feito de forma mais genérica. Mas as empresas criadoras de navegadores já se posicionaram contra o FLoC e sua implantação forçada, sem muitos detalhes de quais dados são coletados. O principal argumento é que tudo tem sido feito de modo pouco transparente, o que poderia gerar riscos para o usuário.

Esse temor é tão grande que todas as outras gigantes do mercado resolveram bloquear os “novos cookies” para evitar problemas. Mesmo as companhias que usam o Chromium como base para seus browsers, tendo a Microsoft como a principal, também se mostram ressabiadas com a novidade.

Outra preocupação é com o chamado “fingerprinting”, uma técnica capaz de identificar cada usuário com base no cruzamento de informações sobre seus hábitos. Apesar de o FLoC supostamente valer-se de tecnologias para omitir a identificação individual, dá para juntar as peças e montar o quebra-cabeça para saber quem está do outro lado.

Como parte de mostrar compromisso com a privacidade do usuário no Chrome, o Google lançou um novo site dedicado chamado de Privacy Sandbox. O portal fala sobre o empenho da companhia em melhorar a privacidade na rede com a adoção de técnicas menos invasivas de monitoramento.

Como bloquear o teste FLoC

Quem já bloqueou manualmente os cookies de terceiros no Chrome não serão incluídos no teste. Se você deseja bloquear os FLoC imediatamente na versão desktop do Chrome, siga os passos a seguir:

Passo 1: Vá até o ícone dos três pontinhos (no canto superior direito, ao lado da barra deendereços) e pressione no menu “Configurações”

Passo 2: Clique em "Privacidade e segurança" e em "Cookies e outros dados do site".

O item a ser clicado é o segundo que aparece nas configurações (Imagem: Captura de tela/Canaltech)
O item a ser clicado é o segundo que aparece nas configurações (Imagem: Captura de tela/Canaltech)

Passo 3: Escolha a opção "Bloquear cookies de terceiros".

Ao efetuar o bloqueio, tenha em mente que alguns sites podem não funcionar corretamente (Imagem: Captura de tela/Canaltech)
Ao efetuar o bloqueio, tenha em mente que alguns sites podem não funcionar corretamente (Imagem: Captura de tela/Canaltech)

No Android, esse processo também pode ser feito, embora seja um pouco diferente. No menu Configurações, toque em "Configurações do site". Em seguida, toque em "Cookies" e certifique-se de que a opção "Bloquear cookies de terceiros" esteja selecionada.

Testes do bloqueio do FLoC no Canary

O Google deve oferecer em breve uma função para que os interessados possam bloquear apenas o FLoC, mantendo os cookies de terceiros, caso prefiram. Por enquanto, isso está em fase de testes na versão Canary do navegador, o que deve levar algumas semanas até ser integrado ao aplicativo estável.

Para ver a opção de alternar, primeiro você deve se certificar que está com o Google Chrome instalado e atualizado. Depois, precisa digitar o seguinte código na barra de endereços:

chrome://flags/#privacy-sandbox-settings-2

Defina o valor como "Enabled" e reinicie o browser. A partir daí, é só acessar o menu principal e clicar em Configurações, você verá uma nova opção em “Privacy and Security” chamada "Privacy Sandbox".

Ao clicar em Privacy Sandbox, você verá as novas opções (Imagem: Captura de tela/Canaltech)
Ao clicar em Privacy Sandbox, você verá as novas opções (Imagem: Captura de tela/Canaltech)

Nesta página abaixo, você verá um caixa de alternância para o FLoC, que pode estar definida como ativada, se você estiver no grupo de testes, ou desativada. Se mover a chave para o lado, você pode ligar ou desligar a participação, bem como resetar suas configurações de grupo coletadas nos últimos sete dias.

O interessante é que dá para ver em qual "grupo" você foi inserido (Imagem: Captura de tela/Canaltech)
O interessante é que dá para ver em qual "grupo" você foi inserido (Imagem: Captura de tela/Canaltech)

Ainda não há uma data prevista para que essa opção chegue para todos, portanto, até o momento, a única forma de evitar o rastreamento é com o bloqueio total dos cookies de terceiros. Assim que houver um novo método, o Canaltech trará o tutorial.

Você está disposto a participar dos testes do Google ou prefere manter o modelo atual? Deixe sua opinião nos comentários abaixo.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos