Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.132,53
    +346,23 (+0,32%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    42.200,59
    -535,89 (-1,25%)
     
  • PETROLEO CRU

    45,78
    +0,87 (+1,94%)
     
  • OURO

    1.804,10
    -0,50 (-0,03%)
     
  • BTC-USD

    18.944,72
    -96,11 (-0,50%)
     
  • CMC Crypto 200

    374,34
    +3,83 (+1,03%)
     
  • S&P500

    3.629,65
    -5,76 (-0,16%)
     
  • DOW JONES

    29.872,47
    -173,77 (-0,58%)
     
  • FTSE

    6.391,09
    -41,08 (-0,64%)
     
  • HANG SENG

    26.669,75
    +81,55 (+0,31%)
     
  • NIKKEI

    26.296,86
    +131,27 (+0,50%)
     
  • NASDAQ

    12.171,25
    +95,25 (+0,79%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3387
    -0,0582 (-0,91%)
     

Google Chrome 87 é lançado com várias melhorias e promete eficiência energética

Ramon de Souza
·2 minuto de leitura

O Google lançou, nesta terça-feira (17), o Chrome 87, a mais nova compilação de seu navegador inspirado no Chromium. A companhia afirma que a atualização representa seu “maior ganho de performance em anos”, sendo recheada não apenas de novas funcionalidades, mas também algumas mudanças estruturais que prometem otimizar o desempenho do software e prover maior eficiência energética para notebooks.

Mas, afinal, que mudanças são essas? Primeiramente, o browser passa a gerenciar melhor seus recursos e “sufocar” abas em segundo plano, usando o processador para priorizar apenas as guias que o usuário está realmente utilizando. Isso resulta em um uso cinco vezes menor da CPU e teoricamente pode salvar até 1,25 hora da bateria de seu dispositivo portátil, segundo testes internos da companhia.

Também foram ajustados alguns parâmetros na inicialização do programa, que agora é aberto 25% mais rápido e carrega as páginas com 7% mais de agilidade. No Android, um recurso conhecido como back/forward cache guarda uma cópia da página anterior e da próxima página visitada, permitindo que você possa retroceder ou avançar na sua navegação de forma praticamente instantânea.

Outras novidades incluem o tão aguardado agrupamento de abas em pastas (com recursos para facilitar a pesquisa daquilo que está aberto), a adição de ações na barra de pesquisa (agilizando, por exemplo, o ato de limpar seu histórico ao simplesmente digitar tal desejo), uma página inicial de Nova Guia remodelada e um leitor de PDFs redesenhado com mais ferramentas para você explorar documentos.

E, por falar em PDFs, o Chrome não lhe permitirá mais fazer downloads de documentos via HTTP em uma página HTTPS, avisando que o arquivo não pode ser baixado de forma segura. Outras melhorias de segurança incluem o preenchimento automático de credenciais no iOS e o advento do Safety Check em dispositivos móveis.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: