Mercado fechará em 4 h 9 min
  • BOVESPA

    129.771,30
    -436,66 (-0,34%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.883,56
    -145,98 (-0,29%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,74
    +0,86 (+1,21%)
     
  • OURO

    1.862,20
    -3,70 (-0,20%)
     
  • BTC-USD

    39.992,82
    -647,54 (-1,59%)
     
  • CMC Crypto 200

    996,60
    -14,01 (-1,39%)
     
  • S&P500

    4.241,04
    -14,11 (-0,33%)
     
  • DOW JONES

    34.210,29
    -183,46 (-0,53%)
     
  • FTSE

    7.172,48
    +25,80 (+0,36%)
     
  • HANG SENG

    28.638,53
    -203,60 (-0,71%)
     
  • NIKKEI

    29.441,30
    +279,50 (+0,96%)
     
  • NASDAQ

    14.050,25
    -74,50 (-0,53%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1763
    +0,0448 (+0,73%)
     

Google apresentará novos recursos para manter usuários após pandemia

·2 minuto de leitura
Google

Por Paresh Dave

(Reuters) - O Google, da Alphabet deve revelar nesta terça-feira atualizações em muitos serviços, incluindo pesquisa e Android, enquanto a empresa mostra seu papel em um mundo que se tornou mais conectado digitalmente durante a pandemia.

O Google observou um aumento no uso de busca, videoconferência e outras ferramentas no ano passado, conforme medidas de lockdown e restrições relacionadas ao coronavírus forçaram as pessoas a fazer compras e se comunicar online.

Com a retomada das atividades presenciais, o Google pretende argumentar que pode permanecer tão relevante e competir com os serviços da Microsoft, Apple e outros, inclusive por meio de recursos que fomentam configurações de trabalho híbridas.

O presidente-executivo, Sundar Pichai, será a atração principal de uma transmissão ao vivo de duas horas começando às 14H (horário de Brasília) como parte do Google I/O, a conferência anual de desenvolvedores de três dias da empresa. O fórum foi cancelado no ano passado por causa do coronavírus e terá apenas audiência virtual este ano.

Pichai também pode destacar o progresso do Google em questões que se tornaram as maiores prioridades para as empresas norte-americanas no ano passado, incluindo mudança climática e justiça racial. Ele pediu recursos, como direções ecológicas no Maps, que ajudam os usuários a viver de forma mais sustentável, e procurou garantir que a tecnologia do Google funcione bem para pessoas de todas as origens.

O aumento da privacidade dos dados e o crescimento de vários negócios de assinatura têm sido outras áreas de foco, assim como o aprimoramento do desempenho dos produtos por meio de inteligência artificial (IA), chips de computador customizados e potencialmente computação quântica.

O I/O normalmente é realizado ao ar livre perto da sede do Google no Vale do Silício, com milhares de desenvolvedores de software de grandes empresas a startups participando para aprender sobre novas opções de programação para aprimorar seus aplicativos. Atualizações não especificadas para os sistemas operacionais Android e Chrome, o assistente virtual do Google Assistant e a app store do Google Play estão planejadas, de acordo com a agenda da conferência.

Uma incógnita é se o Google lançará novos gadgets para o consumidor, algo que já fez no I/O no passado com smartphones e alto-falantes inteligentes.