Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.132,53
    +346,23 (+0,32%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    42.200,59
    -535,89 (-1,25%)
     
  • PETROLEO CRU

    45,86
    +0,95 (+2,12%)
     
  • OURO

    1.806,10
    +1,50 (+0,08%)
     
  • BTC-USD

    18.846,72
    -194,11 (-1,02%)
     
  • CMC Crypto 200

    371,86
    +1,35 (+0,36%)
     
  • S&P500

    3.629,65
    -5,76 (-0,16%)
     
  • DOW JONES

    29.872,47
    -173,77 (-0,58%)
     
  • FTSE

    6.391,09
    -41,08 (-0,64%)
     
  • HANG SENG

    26.669,75
    +81,55 (+0,31%)
     
  • NIKKEI

    26.296,86
    +131,27 (+0,50%)
     
  • NASDAQ

    12.168,75
    +92,75 (+0,77%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3381
    -0,0588 (-0,92%)
     

Google anuncia ações contra desinformação para as eleições brasileiras de 2020

Ramon de Souza
·1 minuto de leitura

Em pleno fogo das eleições presidenciais dos EUA, o Google anunciou, na tarde desta quarta-feira (4), uma série de iniciativas inéditas que serão adotadas para combater a desinformação durante os pleitos municipais que teremos aqui no Brasil nos dias 15 e 29 de novembro. As medidas fazem parte da parceria com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) revelada pelo Gigante das Buscas no dia 1º de outubro.

As ações se concentram no aplicativo Notícias — tanto no desktop quanto nos clientes para dispositivos móveis, os usuários poderão usufruir de um painel com fatos checados por agências jornalísticas confiáveis, além de informações oficiais a respeito do processo eleitoral; este último conteúdo será produzido diariamente por uma equipe interna do próprio TSE, sendo assim a forma mais confiável de se manter atualizado sobre o assunto.

Por fim, o app também receberá, no primeiro turno do pleito (15), um painel adicional que levará o leitor diretamente para o site do TSE, que estará contabilizando os votos em tempo real. Vale observar que, conforme ressaltado pela própria companhia, o Google não efetuou ações do tipo em nenhum outro país do mundo — nem mesmo nos próprios EUA.

Além das novidades no Google Notícias, a parceria com o TSE também resultou em uma série de transmissões ao vivo no YouTube; a primeira ocorreu no dia 30 de outubro e a segunda foi realizada nesta quarta-feira; a terceira e última transmissão está prevista para o dia 9 deste mês, tendo como tema “Como votar de maneira segura: protocolos sanitários e outras dicas”.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: