Mercado fechará em 3 mins
  • BOVESPA

    119.554,41
    -10,03 (-0,01%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.972,55
    +572,75 (+1,18%)
     
  • PETROLEO CRU

    64,81
    -0,82 (-1,25%)
     
  • OURO

    1.814,50
    +30,20 (+1,69%)
     
  • BTC-USD

    56.181,05
    -925,33 (-1,62%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.460,70
    -10,72 (-0,73%)
     
  • S&P500

    4.198,97
    +31,38 (+0,75%)
     
  • DOW JONES

    34.537,28
    +306,94 (+0,90%)
     
  • FTSE

    7.076,17
    +36,87 (+0,52%)
     
  • HANG SENG

    28.637,46
    +219,46 (+0,77%)
     
  • NIKKEI

    29.331,37
    +518,77 (+1,80%)
     
  • NASDAQ

    13.537,75
    +46,75 (+0,35%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3691
    -0,0578 (-0,90%)
     

Golpe no WhatsApp: CDHU alerta para falsa cobrança de boleto

Lucas Soares
·1 minuto de leitura
Golpe no WhatsApp: CDHU alerta para falsa cobrança de boleto
Golpe no WhatsApp: CDHU alerta para falsa cobrança de boleto

A Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU) divulgou uma alerta sobre um novo golpe no WhatsApp. Criminosos estão se passando por funcionários do órgão e enviando falsos boletos de cobrança para saldar dívidas na pandemia.

Segundo a CDHU, para chamar a atenção das vítimas e atraí-las para o golpe, os estelionatários oferecem grandes descontos no WhatsApp e alegam que a crise provocada pela Covid-19 está dando melhores condições de pagamento para quem faz parte do programa.

Para justificar o atendimento por uma conta pessoal no mensageiro, os criminosos afirmam que estão enviando a mensagem pelo aplicativo porque os postos presenciais da CDHU estão fechados e a Central de Atendimento está inoperante por conta da pandemia.

A CDHU informou que que está tomando todas as providencias necessárias para coibir a ação do golpe pelo WhatsApp e ainda disse que as famílias contatadas pelo grupo estão sendo orientadas a fazerem Boletim de Ocorrência, independentemente de terem efetuado ou não pagamentos.

Fique ligado para não cair no Golpe

A companhia afirmou que não “envia boletos por WhatsApp; não solicita qualquer tipo de depósito ou transferência bancária ou PIX para pagamento de boletos ou quitação de débitos; e seus boletos são emitidos apenas pela Caixa Econômica Federal ou Banco do Brasil, cujos códigos de barras iniciam com 104 ou 001”.

Leia Mais:

A CDHU ainda explicou que, ao contrário do que diz os autores do golpe pelo WhatsApp, a Central de Atendimento nunca deixou de funcionar durante todo período de pandemia e os escritórios regionais possuem regras específicas de atendimento presencial. Os endereços de e-mail usados pelos funcionários são sempre oficiais como @cdhu.sp.gov.br ou @apoiocdhu.sp.gov.br. A empresa ainda garante que não “usa e-mail público (gmail, hotmail, ig e outros)”.