Mercado abrirá em 9 h 39 min
  • BOVESPA

    110.235,76
    +1.584,71 (+1,46%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.808,21
    +566,41 (+1,20%)
     
  • PETROLEO CRU

    91,79
    -0,14 (-0,15%)
     
  • OURO

    1.800,80
    -12,90 (-0,71%)
     
  • BTC-USD

    24.257,77
    +1.351,83 (+5,90%)
     
  • CMC Crypto 200

    572,14
    +40,92 (+7,70%)
     
  • S&P500

    4.210,24
    +87,77 (+2,13%)
     
  • DOW JONES

    33.309,51
    +535,11 (+1,63%)
     
  • FTSE

    7.507,11
    +18,96 (+0,25%)
     
  • HANG SENG

    19.878,70
    +267,86 (+1,37%)
     
  • NIKKEI

    27.819,33
    -180,63 (-0,65%)
     
  • NASDAQ

    13.436,25
    +44,25 (+0,33%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2397
    -0,0067 (-0,13%)
     

Golpe do falso emprego causa prejuízos de mais de R$ 200 mil

Golpe de falso emprego causa prejuízos acima de R$ 200 mil. Foto: Getty Images.
Golpe de falso emprego causa prejuízos acima de R$ 200 mil. Foto: Getty Images.
  • Golpe de falso emprego já causou prejuízos de mais de R$ 200 mil;

  • Golpistas podem usar informações roubadas da vítima para criar banco de dados e vendê-los;

  • Criminosos utilizam nomes de grandes empresas e marcas para trazer credibilidade às propostas de emprego.

Cuidado! Há tentativas de golpe na praça. Agora, criminosos mandam mensagens por meio de SMS e WhatsApp para oferecer oportunidade de emprego: são ofertas que prometem meio período de função e remuneração de R$ 5 mil ou mais.

Com o atual cenário de crise econômica do Brasil, a busca por emprego faz parte da rotina de boa parte da população.

Contudo, é nesse ambiente que golpistas procuram vítimas com falsas vagas de trabalho e remunerações tentadoras. De acordo com a plataforma Manual do Usuário, o crime já gerou prejuízos de até R$ 200 mil.

Algumas das táticas incluem induzir a vítima a adquirir cursos preparatórios inexistentes e criar processos seletivos à distância.

Desse modo, a possibilidade de seleção remota de candidatos para vagas de emprego facilitou a vida dos golpistas.

Além disso, a própria busca por funções em modelo home office criou um ambiente prolífero para criminosos, que prometem salários tentadores.

Como muitas pessoas têm currículos cadastrados em diversos sites de busca de trabalho, os criminosos se aproveitam da situação para enviar mensagens sedutoras, que muitas vezes não parecem suspeitas.

É importante lembrar que os golpistas também utilizam nome de grandes empresas e marcas para trazer credibilidade à proposta oferecida.

Para se proteger dessas tentativas de golpe, desconfie de anúncios de emprego encaminhados que levem a sites de nomenclatura estranha e que não tenham relação com a proposta de emprego.

Oportunidades reais de trabalho são encaminhadas à plataforma da própria empresa contratante ou sites que já ofertam ou intermedeiam tais vagas.

Esse anúncios falsos podem ser usados como forma de adquirir informações da vítima e criar um banco de dados, que pode ser vendido pelos criminosos.

Outra tentativa de golpe em atividade é a realização de uma ligação logo após o cadastro da suposta vaga disponibilizada.

Desse modo, o golpista cobra pelo processo seletivo e por um curso preparatório. Nesses casos, evite qualquer situação em que se tenha que desembolsar dinheiro.

*Com informações do Manual do Usuário.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos