Mercado abrirá em 5 h 18 min

Golpe de milhagens aéreas deu origem a fraude de R$ 400 milhões

Carros de luxo como Ferraris, Lamborghinis e Mesaratis foram apreendidos em operação contra golpe financeiro (Divulgação/Polícia Civil)

Por Juliana Arreguy

Viagens, aluguel de jatos e carros importados: a vida de luxo que o investidor Pablo Borges, 24 anos, registrava em redes sociais com a mulher foi colocada à prova na manhã desta quarta-feira (10), quando ele deixou o condomínio fechado onde vivia em Tamboré, ao ter sua prisão decretada pelo Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic), ligado à Polícia Civil de São Paulo. Segundo o órgão, Borges era o principal operador de um esquema de fraudes contra clientes bancários que teria arrecadado ao menos R$ 400 milhões em menos de dois anos.

“Valor que permitia viver uma vida de ostentação com carros de luxo e gastos milionários como aluguel de iates na Europa por 40 mil euros a diária”, explica o delegado José Mariano de Araújo Filho, responsável pelo caso.

O esquema utilizava um programa de computador para obter informações sobre os correntistas que acessavam suas contas bancárias por meio da internet ou registravam o número do cartão de crédito na rede. O dinheiro resgatado no golpe era dividido em cinco empresas diferentes, criadas com a única finalidade de servir aos atos ilícitos. O grupo utilizava um escritório de fachada localizado em um prédio empresarial no bairro do Itaim Bibi, na zona sul da capital paulista, considerada uma área nobre da cidade.

Escritório de fachada era mantido por aluguel de R$ 200 mil (Divulgação/Polícia Civil)

De acordo com o Deic, Borges alugava o último andar do edifício por R$ 200 mil por mês. O espaço tem 600 metros quadrados e dá direito a 17 vagas de garagem. No entanto, nenhum funcionário trabalha no local. A rotina de trabalho envolvia deixar sua casa em Tamboré de helicóptero, tendo o Itaim como destino, e, de lá, seguir até o escritório em um de seus carros importados.

Batizada pela polícia de Operação Ostentação — em referência à vida de luxo levada por Borges —, a ação contou com o apoio de integrantes do Núcleo de Investigações de Crimes Cibernéticos do Ministério Público (conhecido como Cyber Gaeco), que vinha monitorando as atividades do grupo há seis meses. Foram expedidos mandados de prisão, busca e apreensão que, além da capital, abrangem também Francisco Morato, na Grande São Paulo, e Praia Grande, no litoral.

Veículos como Ferraris, Lamborghinis, Audis, Porsches, Maseratis estão entre os ítens apreendidos, assim como jóias e máquinas utilizadas nas transações financeiras.

Borges se lançou no mercado aplicando golpes em vendas de milhagens aéreas. Ele oferecia as passagens por valores considerados muito abaixo do mercado e armava tudo para que o comprador só descobrisse a fraude no momento de embarcar. Pouco depois, passou a ser o principal operador do esquema de captura de informações de clientes bancários.

Esquema pode impedir casamento luxuoso com modelo e youtuber
Coroas que seriam utilizadas em casamento foram apreendidas durante Operação Ostentação (Divulgação/Polícia Civil)

A vida de ostentação era registrada não apenas na conta particular do investidor mas também na de sua mulher, a modelo Marcella Portugal, de 22 anos, que faz sucesso nas redes com um canal no YouTube, administrado em conjunto com a irmã. Na plataforma, que conta com 4,1 mil seguidores, há três vídeos sobre viagens ao exterior — todos com mais de 15 mil visualizações. No Instagram, Marcella já soma mais de 180 mil seguidores.

As investigações apontam Borges como “maior locatário” de aeronaves de São Paulo, destacando idas recentes a países como Rússia e França em vôos particulares. Ele e a mulher se hospedaram na suíte presidencial do Shangri-La em Paris, badalado hotel cinco estrelas, e registraram consumo de vinhos que custavam cerca de 18 mil euros a garrafa.

De acordo com o Deic, a operação contra as fraudes foi deflagrada antes de uma festividade que vinha sendo anunciada com pompa e circunstância pelo casal: os dois haviam marcado seu casamento para esta sexta-feira (12), no buffet Fasano, considerado um dos mais finos de São Paulo.

Eram esperados 800 convidados e shows de duas duplas sertanejas de sucesso. Segundo o portal Glamurama, que divulgou o anúncio do evento, os artistas contratados foram Maiara e Maraisa, e Henrique e Diego.