Mercado fechado

Goleiro da seleção da França testa positivo para covid-19

·1 minuto de leitura
Steve Mandanda renovou contrato com o Marsella por mais três temporadas
Steve Mandanda renovou contrato com o Marsella por mais três temporadas

Steve Mandanda, goleiro reserva da seleção da França, , testou positivo para covid-19 em dois exames e foi cortado da delegação que se prepara para enfrentar a Suécia no sábado e a Croácia, na terça-feira, pela Liga das Nações, informou nesta quinta-feira a comissão técnica da equipe europeia.

O goleiro do Marsella deixará a concentração da equipe na manhã desta sexta e não será substituído por enquanto, disse a direção da seleção francesa, dois dias antes do confronto com os suecos, em Solna ( Suécia). 

Os outros 22 jogadores convocados por Didier Deschamps deram negativo. 

A delegação francesa realizou um teste PCR na quarta-feira, cujo resultado foi revelado positivo para o Mandanda nesta quinta. 

"O goleiro fez um segundo teste PCR ao longo do dia. O segundo teste também deu positivo. Steve Mandanda não poderá, portanto, participar no jogo contra a Suécia", acrescentou a fonte.

A delegação francesa partirá para a Suécia na manhã de sexta-feira com  Hugo Lloris e Mike Maignan, como os únicos goleiros.

ama-eba/dep/iga/pm/lca