Mercado abrirá em 4 h 12 min
  • BOVESPA

    129.441,03
    -634,97 (-0,49%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.286,46
    +400,16 (+0,79%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,56
    +0,65 (+0,92%)
     
  • OURO

    1.857,70
    -21,90 (-1,17%)
     
  • BTC-USD

    39.634,36
    +4.055,48 (+11,40%)
     
  • CMC Crypto 200

    985,81
    +44,00 (+4,67%)
     
  • S&P500

    4.247,44
    +8,26 (+0,19%)
     
  • DOW JONES

    34.479,60
    +13,40 (+0,04%)
     
  • FTSE

    7.159,60
    +25,54 (+0,36%)
     
  • HANG SENG

    28.842,13
    +103,23 (+0,36%)
     
  • NIKKEI

    29.161,80
    +213,07 (+0,74%)
     
  • NASDAQ

    14.023,75
    +29,50 (+0,21%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1908
    -0,0018 (-0,03%)
     

Goldman Sachs revisa previsão de crescimento para PIB do Brasil em 2021 a 5,5%, ante 4,6%

·1 minuto de leitura
Consumidores fazem compras em rua comercial de São Paulo em meio a disseminação da Covid-19

BRASÍLIA (Reuters) - O Goldman Sachs elevou acentuadamente nesta terça-feira sua previsão de crescimento para o Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro de 2021, para 5,5%, ante 4,6% anteriormente, uma das perspectivas mais altas para a maior economia da América Latina.

O banco disse que a projeção considera um cenário sem escassez no fornecimento de energia e com redução dos gargalos na cadeia de fornecimento, bem como uma melhora na situação da Covid-19.

Em comentário após a divulgação de dados do PIB do primeiro trimestre, o chefe de pesquisa econômica do Goldman Sachs para a América Latina, Alberto Ramos, disse: "Esperamos que a economia se recupere visivelmente nos próximos trimestres, em conjunto com o progresso da vacinação contra a Covid, uma reabertura gradual da economia, estímulo fiscal renovado (e) recuperação da confiança do consumidor e das empresas".

(Por Jamie McGeever)