Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.672,76
    -3.755,42 (-3,28%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.402,73
    -283,30 (-0,54%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,05
    +0,09 (+0,11%)
     
  • OURO

    1.767,20
    -3,30 (-0,19%)
     
  • BTC-USD

    64.102,67
    +1.882,54 (+3,03%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.484,36
    +21,00 (+1,43%)
     
  • S&P500

    4.519,63
    +33,17 (+0,74%)
     
  • DOW JONES

    35.457,31
    +198,70 (+0,56%)
     
  • FTSE

    7.217,53
    +13,70 (+0,19%)
     
  • HANG SENG

    25.787,21
    +377,46 (+1,49%)
     
  • NIKKEI

    29.386,40
    +170,88 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.387,50
    -11,00 (-0,07%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5073
    +0,0111 (+0,17%)
     

Gol 'arranha' os R$ 90 mil e despede-se da fama de popular

·2 minuto de leitura
Gol, carro da Volkswagen
Veículo sofreu nova alta nos preços e abandona sua fama de "bom e barato"

(VANDERLEI ALMEIDA/AFP via Getty Images)

  • Após nova alta de preços, modelo mais completo do Gol chega a R$ 89.490

  • Voyage também foi impactado e sedã compacto chega a R$ 100 mil

  • Saveiro e Stellantis - que nem chegou às ruas - também foram impactadas

Foi-se o tempo em que o Gol era considerado um carro popular. Após nova alta de preços, o veículo bateu os R$ 89.490 no modelo com pacote Urban Completo, com pintura metálica, câmbio automático e motor 1.6 flexível. As informações são de Vagner Aquino, do Jornal do Carro.

O consumidor que optar pela versão de entrada do antigo “bom e barato” também terá que desembolsar uma grana considerável, já que o preço aumentou R$ 640, passando de R$ 64.950 para R$ 65.590. O topo de linha não fica muito atrás; após subir R$ 800, bateu os R$ 80.690.

Leia também:

Carros mais caros em 2021

A alta dos preços, que não têm dado trégua ao longo de 2021, afetou não só o Gol, mas também o Voyage, que chega a quase R$ 100 mil no sedã compacto. Na versão 1.0, o veículo subiu R$ 760 e está por nada menos que R$ 75.950. Já na opção topo de linha, a alta foi de R$ 900, e quem o adquirir precisará abrir mão de R$ 87.390 para rodar com ele nas ruas.

Apesar da Saveiro sofrer o menor aumento, estimado entre R$ 300 e R$ 700, dependendo da versão, o preço assusta quando comparado ao de sua concorrente, a Fiat Strada. Na opção Cross, a picape quase chega a R$ 110 mil, cerca de R$ 6 mil a mais do que a rival.

Por fim, até mesmo os veículos que nem chegaram às ruas ainda já estão encarando novos preços. É o caso da Stellantis, que aumenta em R$ 6 mil as versões Limited e R$ 8 mil as versões Overland.

A alta será adicionada aos bolsos de quem encomendou o carro a partir de 31 de agosto e, ao ser questionada pelo Jornal do Carro, a Jeep disse que o cliente poderá desistir da reserva caso não deseje desembolsar os valores extras. Os R$ 5 mil pagos como garantia serão devolvidos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos