Mercado fechará em 55 mins

Gmail vai rastrear a entrega de suas encomendas

Usuários do Gmail contam agora com um sistema de rastreamento de entrega para facilitar a localização das encomendas entre as lojas e o destino. Com isso, não será mais necessário pesquisar por palavras-chave ou links em busca do código de rastreio do pacote.

O sistema fará o monitoramento em tempo real, desde o preparo até a chegada em sua residência. Segundo o Google, a ideia é economizar o tempo do usuário e mantê-lo informado sobre o andamento da remessa. Com a Black Friday se aproximando, a empresa quis dar esse presente para os compradores.

Em um primeiro momento, o recurso terá suporte para as principais empresas de envio de encomendas nos Estados Unidos. O algoritmo da plataforma identificará, com base nas palavras, quando o vendedor incluir um número de rastreamento no pedido.

O Gmail vai acompanhar seus pedidos desde a preparação até a entrega (Imagem: Reprodução/Google)
O Gmail vai acompanhar seus pedidos desde a preparação até a entrega (Imagem: Reprodução/Google)

De posse das informações da entrega, o Google exibirá em destaque o status do transporte diretamente na visualização da caixa de entrada. O gerenciador de e-mails usará tags para indicar como está o andamento: “Label created” (equivalente a "Separando o pedido" aqui no Brasil), “Arriving tomorrow” (Chega amanhã, em português) e “Delivered today" (Entregue hoje).

Como funcionará o rastreador de pacotes do Gmail

É normal receber e-mail de confirmação quando você finaliza uma compra. Quando o pedido é enviado, geralmente o conteúdo vem acompanhado de algum código para acompanhar o trajeto até a sua residência. No caso do Google, isso será exibido ali no topo, como um cartão de resumo com detalhes sobre o prazo da entrega e o status momentâneo.

Quem fez compra de passagem aérea recentemente, vai notar a semelhança do cartão de resumo. A premissa é a mesma, mas, em vez de dados da companhia área ou do aeroporto, você terá sobre o despacho da compra efetuada em lojas online.

O e-mail sobre a remessa do pacote será trazido automaticamente para o topo da sua caixa de entrada até que a encomenda chegue ao destino. Se o algoritmo não conseguir identificar a entrega, o próprio usuário poderá confirmá-la para interromper esse acompanhamento.

Você receberá uma mensagem do Gmail pedindo permissão para monitorar seus pacotes (Imagem: Reprodução/Google)
Você receberá uma mensagem do Gmail pedindo permissão para monitorar seus pacotes (Imagem: Reprodução/Google)

Por envolver o acesso às mensagens, algumas pessoas podem não se sentir confortáveis de ter um robô escaneando o conteúdo dos e-mails. O Google dará a opção de ativar ou desativar na interface principal — mas também será possível fazê-lo mais tarde nas configurações do Gmail.

O novo sistema de rastreio deve chegar de modo gradual "nas próximas semanas". Ainda não está claro se a novidade chegará ao Brasil nem se terá compatibilidade com as lojas de comércio eletrônico daqui, como Magalu e Mercado Livre.

No mês passado, o Gmail recebeu um reforço na criptografia para impedir interceptação por terceiros. Com o sistema ativado, as informações são cifradas ainda nos dispositivos do usuário e chegam aos servidores do Google já protegidas. Em julho, a inteligência artificial da pesquisa foi otimizada para facilitar a localização de e-mails.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: