Mercado abrirá em 4 h 9 min

GM dobra área atendida por tecnologia de direção assistida

GM

Por Joseph White

DETROIT (Reuters) - A General Motors disse nesta quarta-feira que os proprietários de certos veículos equipados com seu sistema de direção assistida Super Cruise agora poderão usá-lo em 643.740 quilômetros de estradas norte-americanas, dobrando a área de operação atual.

O sistema Super Cruise da GM, como o sistema de piloto automático da Tesla, é um sistema de assistência ao motorista e não permite a verdadeira condução autônoma.

Os sensores e o software do sistema da GM permitem que um motorista navegue com as mãos fora do volante em rodovias que foram mapeadas em detalhes. Mas espera-se que o motorista fique alerta e pronto para assumir o carro. A empresa usa tecnologia para monitorar o motorista, e o Super Cruise irá disparar alarmes ou desacelerar o carro até parar se detectar que o motorista não está respondendo.

A partir do final deste ano, a GM planeja permitir que motoristas de veículos equipados com Super Cruise e o mais recente sistema eletrônico veicular da empresa possam usa ro recurso 'hands free' nas principais rodovias com apenas um sentido nos Estados Unidos e no Canadá, bem como em quilômetros adicionais de rodovias interestaduais com dois sentidos.

A expansão, possibilitada por um mapeamento digital mais amplo, permitirá que proprietários de veículos devidamente equipados naveguem com as mãos livres em trechos da Rota 66 no oeste dos Estados Unidos ou na rodovia Trans-Canadá no oeste do Canadá, disse a GM.

A montadora planeja oferecer o Super Cruise como opção em suas picapes grandes Chevrolet Silverado e GMC Sierra ainda este ano. Anteriormente, disse que pretende oferecer o Super Cruise como opção em 22 modelos até o final de 2023.

Dependendo do modelo, o Super Cruise custa de 2.200 dólares a 2.500 dólares para adicionar como opção.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos